glu

/ / / Clipping: ‘Máfia da Mortadela’: nova edição de coletânea reúne 17 bandas


Foi lançada a segunda edição da coletânea ‘Máfia da Mortadela’, que reúne apenas bandas brasileiras – e autorais – de Blues, com o objetivo de promover e divulgar a música e os grupos do gênero no país.
Assim como o primeiro projeto, lançado em 2010, o disco traz e é resultante da união de vários amigos, músicos e bandas.
Um dos grupos presentes é a Máfia do Blues, com a música ‘Dose de Blues (veja matéria aqui).
Curiosidade: na época que o PortalMegaphone divulgou o lançamento da primeira coletânea, o vocalista da Máfia do Blues – grupo que até então ainda não existia – Rafael Bolacha, foi o primeiro a comentar a notícia. Mal sabia ele que, dois anos depois, teria sua voz no projeto.
primeira edição contou com 11 faixas e reuniu 8 bandas. Na época, ao PortalMegaphone, o produtor do disco, Roberto Terremoto, disse que um próximo trabalho poderia reunir mais bandas. Promessa cumprida: ‘Máfia da Mortadela – 2’ traz 17 músicas de 17 grupos diferentes.
Da primeira edição, estão novamente presentes os grupos Brisa Rusmel, Marafa Blues, Distintivo Blue, Bandanna Blues e Myga. Com exclusividade, o PortalMegaphone conversou com Roberto Terremoto, que falou um pouco sobre a nova empreitada. Blues, baby!
Qual a diferença entre a produção deste para o primeiro disco: Os desafios, agora, foram maiores ou menores que em 2010?
O primeiro volume foi um grande desafio, pois não é simples reunir artistas com composições próprias em português e que queiram investir em um trabalho que não contou com nenhum tipo de patrocínio ou apoio. No primeiro álbum consegui reunir oito artistas/bandas que resolveram apostar no album, e o resultado foi muito mais do que eu imaginava. A dedicação dos envolvidos para compor os sons e para gravar foi espetacular, fazendo do material repleto de Blues de vários estilos. Para este novo trabalho foi mais fácil reunir os artístas, pois como o resultado do primeiro foi ótimo, ninguém duvidava que este podería fracassar.
Com isso, o número de interessados foi aumentando?
Sim. A intenção era reunir apenas dez bandas ou artístas e diferentemente do primeiro, este poderia ser incluidas músicas em inglês. Logo que eu divulguei a inscrições, foi um sucesso. Recebi doze inscrições e aí comecei a pensar alto. Incluir dezesete artistas, com um tamanho máximo de tempo da faixa, para poder ocupar a mídia inteira do CD. Em duas semanas consegui o time e ai partimos para as gravações. O interessante deste projeto é que conseguimos unir mais localidades do Brasil, contando com artistas de São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia, Paraná e Brasilia.
A Banda Máfia do Blues, de Itapira/Mogi Guaçu, está presente na coletânea. Como se deu esse processo de inclusão?
Meu grande amigo Edu Gaspar, conhecido por filmar e fotografar grandes nomes do Blues me ligou no início do projeto e me disse: “Tenho uma banda para indicar para o Máfia da Mortadela Vol. 2”. A indicação não poderia ser melhor, pois além de serem pessoas muito simples e bacanas, fazem muito pelo Blues, e esta é a intenção do Projeto, mostrar artistas que fazem o Blues se espalhar pelo Brasil.
Qual o objetivo do novo lançamento, como foi o processo de produção, e como foi motivado?
Como disse antes, o Projeto tem como principal objetivo mostrar artistas do Blues, que fazem seu som da maneira mais sincera e original possível. Muitos não entendem que o Blues pode ter nosso sotaque e que não precisamos tocar igual aos gringos. A graça do Blues e fazer com o coração e com a alma, sem preconceitos musicais. A produção deste volume foi muito mais complicada que o outro, pois somos o dobro de artístas do primeiro, e é claro que o trabalho também é duplicado. Correr atrás do melhor preço para prensagem, documentação de todos os tipos, acompanhar a criação e evolução da arte gráfica e tantos outros assuntos burocráticos que envolvem um álbum, são etapas que não podemos pular na elaboração de um trabalho assim, as vezes pensei que não iria conseguir, mas como a confiança dos artistas no trabalho era grande, me dediquei ao máximo e o resultado foi incrivel.
Como o interessado pode comprar o CD?
Apesar do álbum poder ser comercializado em lojas, não fiz nenhuma parceria com nenhuma distribuidora, mas existem duas formas de conseguir um álbum. Uma delas é com uma das bandas ou artistas participantes. A outra é escrevendo para terremotoblues@hotmail.com. O custo do álbum é de R$ 15,00, mais as despesas dos Correios.

Tracklist

MÁFIA DA MORTADELA
Volume 2 (2012)
  1. A Cura da Ressaca – Brazilian Blues Band
  2. Na trilha do Blues – Distintivo Blues
  3. O Que Falta em Mim – Brisa Rusmel
  4. There Is No Distance For The Blues – AlmoBrother Project
  5. She Loves a Rich Lord Fool Man – Zazoubluz
  6. Todas as Noites – Destilaria
  7. Noite de Blues – Roberto Terremoto e os Abalos Sísmicos
  8. Jeito Tão Blues – Myga
  9. White Queen – The Suman Brothers Band
  10. A morte Não Existe – Insitus
  11. Boogie 66 – Blindog
  12. Servant Soul – Marafa
  13. Você Não Sabe o Que Perdeu – Garbage Truck
  14. Gato de Babel – Bandanna Blues & Jefferson Gonçalves
  15. A Paisana – Jorge Rossi
  16. Dose de Blues – máfia do Blues
  17. Signo Ruim – Paulo Toth Blues
Redação Megaphone / FP


«
Próximo

Postagem mais recente

»
Anterior

Postagem mais antiga

Publicado por I. Malförea

Siga-nos nas redes sociais e plataformas de streaming:

Nenhum comentário :

Leave a Reply

CDS, MP3, MÚSICAS CIFRADAS, ZINE E TUDO MAIS NO SITE OFICIAL DA DISTINTIVO BLUE:
http://www.distintivoblue.com

ASSINE O CANAL DA DISTINTIVO BLUE NO YOUTUBE:
http://www.youtube.com/distintivoblue

SIGA A DISTINTIVO BLUE NO TWITTER:
http://www.twitter.com/distintivoblue

SIGA A DISTINTIVO BLUE NO INSTAGRAM:
http://www.instagram.com/distintivoblue

CURTA A FANPAGE DA DISTINTIVO BLUE NO FACEBOOK:
http://www.facebook.com/distintivoblueoficial

SIGA-NOS NO BANDSINTOWN E SAIBA DOS NOSSOS SHOWS COM ANTECEDÊNCIA:
http://www.bandsintown.com/DistintivoBlue

CONTRATE A DISTINTIVO BLUE:
contato@distintivoblue.com

----------

OUÇA A DISTINTIVO BLUE:

NO SPOTIFY:
https://open.spotify.com/artist/5WBBzGauVrhPvNQ201XyYx

NA ITUNES STORE:
https://itunes.apple.com/br/artist/distintivo-blue/id457511491

NA DEEZER:
http://www.deezer.com/artist/4653226

NA RDIO:
http://www.rdio.com/artist/Distintivo_Blue/

NA GOOGLE PLAY:
https://play.google.com/store/music/artist/Distintivo_Blue?id=Akbxkaxwhmjn4pnnjkuz4rdyfvq

NA ONERPM:
https://onerpm.com.br/distintivoblue

NA AMAZON:
http://www.amazon.com/s/ref=ntt_srch_drd_B00D6LVAHC?ie=UTF8&field-keywords=Distintivo%20Blue&index=digital-music&search-type=ss

Clipping: ‘Máfia da Mortadela’: nova edição de coletânea reúne 17 bandas


Foi lançada a segunda edição da coletânea ‘Máfia da Mortadela’, que reúne apenas bandas brasileiras – e autorais – de Blues, com o objetivo de promover e divulgar a música e os grupos do gênero no país.
Assim como o primeiro projeto, lançado em 2010, o disco traz e é resultante da união de vários amigos, músicos e bandas.
Um dos grupos presentes é a Máfia do Blues, com a música ‘Dose de Blues (veja matéria aqui).
Curiosidade: na época que o PortalMegaphone divulgou o lançamento da primeira coletânea, o vocalista da Máfia do Blues – grupo que até então ainda não existia – Rafael Bolacha, foi o primeiro a comentar a notícia. Mal sabia ele que, dois anos depois, teria sua voz no projeto.
primeira edição contou com 11 faixas e reuniu 8 bandas. Na época, ao PortalMegaphone, o produtor do disco, Roberto Terremoto, disse que um próximo trabalho poderia reunir mais bandas. Promessa cumprida: ‘Máfia da Mortadela – 2’ traz 17 músicas de 17 grupos diferentes.
Da primeira edição, estão novamente presentes os grupos Brisa Rusmel, Marafa Blues, Distintivo Blue, Bandanna Blues e Myga. Com exclusividade, o PortalMegaphone conversou com Roberto Terremoto, que falou um pouco sobre a nova empreitada. Blues, baby!
Qual a diferença entre a produção deste para o primeiro disco: Os desafios, agora, foram maiores ou menores que em 2010?
O primeiro volume foi um grande desafio, pois não é simples reunir artistas com composições próprias em português e que queiram investir em um trabalho que não contou com nenhum tipo de patrocínio ou apoio. No primeiro álbum consegui reunir oito artistas/bandas que resolveram apostar no album, e o resultado foi muito mais do que eu imaginava. A dedicação dos envolvidos para compor os sons e para gravar foi espetacular, fazendo do material repleto de Blues de vários estilos. Para este novo trabalho foi mais fácil reunir os artístas, pois como o resultado do primeiro foi ótimo, ninguém duvidava que este podería fracassar.
Com isso, o número de interessados foi aumentando?
Sim. A intenção era reunir apenas dez bandas ou artístas e diferentemente do primeiro, este poderia ser incluidas músicas em inglês. Logo que eu divulguei a inscrições, foi um sucesso. Recebi doze inscrições e aí comecei a pensar alto. Incluir dezesete artistas, com um tamanho máximo de tempo da faixa, para poder ocupar a mídia inteira do CD. Em duas semanas consegui o time e ai partimos para as gravações. O interessante deste projeto é que conseguimos unir mais localidades do Brasil, contando com artistas de São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia, Paraná e Brasilia.
A Banda Máfia do Blues, de Itapira/Mogi Guaçu, está presente na coletânea. Como se deu esse processo de inclusão?
Meu grande amigo Edu Gaspar, conhecido por filmar e fotografar grandes nomes do Blues me ligou no início do projeto e me disse: “Tenho uma banda para indicar para o Máfia da Mortadela Vol. 2”. A indicação não poderia ser melhor, pois além de serem pessoas muito simples e bacanas, fazem muito pelo Blues, e esta é a intenção do Projeto, mostrar artistas que fazem o Blues se espalhar pelo Brasil.
Qual o objetivo do novo lançamento, como foi o processo de produção, e como foi motivado?
Como disse antes, o Projeto tem como principal objetivo mostrar artistas do Blues, que fazem seu som da maneira mais sincera e original possível. Muitos não entendem que o Blues pode ter nosso sotaque e que não precisamos tocar igual aos gringos. A graça do Blues e fazer com o coração e com a alma, sem preconceitos musicais. A produção deste volume foi muito mais complicada que o outro, pois somos o dobro de artístas do primeiro, e é claro que o trabalho também é duplicado. Correr atrás do melhor preço para prensagem, documentação de todos os tipos, acompanhar a criação e evolução da arte gráfica e tantos outros assuntos burocráticos que envolvem um álbum, são etapas que não podemos pular na elaboração de um trabalho assim, as vezes pensei que não iria conseguir, mas como a confiança dos artistas no trabalho era grande, me dediquei ao máximo e o resultado foi incrivel.
Como o interessado pode comprar o CD?
Apesar do álbum poder ser comercializado em lojas, não fiz nenhuma parceria com nenhuma distribuidora, mas existem duas formas de conseguir um álbum. Uma delas é com uma das bandas ou artistas participantes. A outra é escrevendo para terremotoblues@hotmail.com. O custo do álbum é de R$ 15,00, mais as despesas dos Correios.

Tracklist

MÁFIA DA MORTADELA
Volume 2 (2012)
  1. A Cura da Ressaca – Brazilian Blues Band
  2. Na trilha do Blues – Distintivo Blues
  3. O Que Falta em Mim – Brisa Rusmel
  4. There Is No Distance For The Blues – AlmoBrother Project
  5. She Loves a Rich Lord Fool Man – Zazoubluz
  6. Todas as Noites – Destilaria
  7. Noite de Blues – Roberto Terremoto e os Abalos Sísmicos
  8. Jeito Tão Blues – Myga
  9. White Queen – The Suman Brothers Band
  10. A morte Não Existe – Insitus
  11. Boogie 66 – Blindog
  12. Servant Soul – Marafa
  13. Você Não Sabe o Que Perdeu – Garbage Truck
  14. Gato de Babel – Bandanna Blues & Jefferson Gonçalves
  15. A Paisana – Jorge Rossi
  16. Dose de Blues – máfia do Blues
  17. Signo Ruim – Paulo Toth Blues
Redação Megaphone / FP

Nenhum comentário

CDS, MP3, MÚSICAS CIFRADAS, ZINE E TUDO MAIS NO SITE OFICIAL DA DISTINTIVO BLUE:
http://www.distintivoblue.com

ASSINE O CANAL DA DISTINTIVO BLUE NO YOUTUBE:
http://www.youtube.com/distintivoblue

SIGA A DISTINTIVO BLUE NO TWITTER:
http://www.twitter.com/distintivoblue

SIGA A DISTINTIVO BLUE NO INSTAGRAM:
http://www.instagram.com/distintivoblue

CURTA A FANPAGE DA DISTINTIVO BLUE NO FACEBOOK:
http://www.facebook.com/distintivoblueoficial

SIGA-NOS NO BANDSINTOWN E SAIBA DOS NOSSOS SHOWS COM ANTECEDÊNCIA:
http://www.bandsintown.com/DistintivoBlue

CONTRATE A DISTINTIVO BLUE:
contato@distintivoblue.com

----------

OUÇA A DISTINTIVO BLUE:

NO SPOTIFY:
https://open.spotify.com/artist/5WBBzGauVrhPvNQ201XyYx

NA ITUNES STORE:
https://itunes.apple.com/br/artist/distintivo-blue/id457511491

NA DEEZER:
http://www.deezer.com/artist/4653226

NA RDIO:
http://www.rdio.com/artist/Distintivo_Blue/

NA GOOGLE PLAY:
https://play.google.com/store/music/artist/Distintivo_Blue?id=Akbxkaxwhmjn4pnnjkuz4rdyfvq

NA ONERPM:
https://onerpm.com.br/distintivoblue

NA AMAZON:
http://www.amazon.com/s/ref=ntt_srch_drd_B00D6LVAHC?ie=UTF8&field-keywords=Distintivo%20Blue&index=digital-music&search-type=ss