glu

novembro 2010

Cab Calloway - The Old Man of the Mountain (Betty Boop - 1933)

A Blues em Si está de volta

4 músicos unidos pelo amor ao blues se reúnem novamente para uma nova temporada de shows, começando pelo Bar de Marcão quinta-feira 9 de dezembro às 21:00Hs. O grupo formado por Amarílio e Joab (guitarras e vocais), Alexandre (bateria), e Edney (baixo) tem como proposta tocar, além do blues, outros estilos mas sempre conferindo-lhes uma "intenção blues".

http://api.ning.com/files/Bq7wCIa4nOnuEviLD6Sw7bGB*XIqclrkobU9k5bHGeZ8StFZVcAg5agG4axO-O8sP7owqSn6CtQadODsZF2XfEIH9doB52Zo/caiubimenorfuturaboldcpia.png?width=300&height=140&xn_auth=no&type=png
A DB também está mais uma vez no Clube Caiubi de Compositores

A DB está mais uma vez no Programa Caiubi de Compositores, da rede social homônima, dedicada à divulgação de artistas nacionais na área da música. A rede pode ser acessada pelo endereço clubecaiubi.com.br. A banda é citada no quadro Bem-Vindo ao Clube, no bloco 4(encerramento) do programa nº 11(P11 - BLOCO 4 - ENCERRAMENTO). A música Luar do Pontal está no bloco 2 do programa nº 7 (P7 - BLOCO 2). Aproveite para conhecer os outros artistas da rede. o Programa Caiubi de Compositores vai ao ao pela Jovem Som FM no dial pra Presidente Venceslau e mais 50 cidades do interior de São Paulo.

http://op3cyg.blu.livefilestore.com/y1p2i-hgwYfg3Ol8TBxPWfdDUDUEjGsDANa93iYqF2jyY2P_B5D__pqeZpeIBH4Bv4by7imxRNFoMJnDqfD1evN0onpwPK4G6Qo/Blues%20por%20um%20mundo.JPG?psid=1 
Veja as respostas das perguntas mais freqüentes com relação a doação de medula óssea



O QUE É MEDULA ÓSSEA

A medula óssea é a matriz do sangue e se localiza na parte interna dos ossos semelhante ao tutano dos ossos do boi. Na medula óssea estão as células-mãe que dão origem aos glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas.

QUEM NECESSITA DESSA DOAÇÃO ?

O Transplante de Medula Óssea (TMO) é indicado principalmente para o tratamento de doenças que comprometem o funcionamento da medula óssea, como doenças hematológicas, onco-hematológicas, imunodeficiências, doenças genéticas hereditárias, alguns tumores sólidos e doenças auto-imunes.

Doenças Onco- hematológicas
  • Leucemias Agudas e Crônicas
  • Linfomas de Hodgkin e não Hodgkin
  • Mieloma Múltiplo
  • Síndrome Mielodisplásica(SMD)
Doenças Hematológicas
  • Aplasia Medular ou Anemia Aplástica Severa
  • Anemia de Fanconi
  • Hemoglobinapatias: Anemia Falciforme e Talassemia
  • Hemoglobinúria Paroxística Noturna
Imundeficiências
  • Congênitas ou primárias e secundárias. A indicação do transplante depende, em geral, da doença e da fase da doença em que os pacientes se encontram. Para muitos casos, não há como controlar a doença somente com a quimioterapia e radioterapia convencional e a realização do transplante poder ser o melhor recurso terapêutico para alcançar a cura.

QUEM PODE DOAR ?

Pessoas com saúde em bom estado, entre 18 e 55 anos. É bom lembrar que:
  • Diabéticos podem doar;
  • Pessoas grávidas ou amamentando podem doar;
  • Pessoas que tem pressão alta podem doar;
  • Não há nenhuma restrição quanto a meningite, anemia ou hepatite 'a' que a pessoa tenha tido anteriormente;
  • Não há peso mínimo;
  • Pessoas que tem tatuagem pode doar.

COMO É A COMPATIBILIDADE DE DOADORES ?

Paciente tem 25% de chance de encontrar um doador compatível entre irmãos. A maior parte dos pacientes não encontra um doador compatível na família. Assim sendo, procura-se um doador compatível inscrito no registro nacional de doadores. Daí a importância de todos serem doadores de medula.

POR QUE SE REGISTRAR ?

O REDOME - Registro de Doadores de Medula Óssea é um banco de dados onde fica os dados e HLA dos doadores. É necessário um grande número de doadores registrados para que os pacientes tenham chance de encontrar um doador compátivel. Para o paciente, você pode representar a única possibilidade de cura.

QUAIS SÃO OS PROCEDIMENTOS COM O DOADOR COMPATÍVEL

Se houver compatibilidade, o doador é convocado para um exame de sangue mais detalhado. O doador será avaliado para certificar seu bom estado de saúde.

QUAL A FORMA DE DOAÇÃO ?

Quando o doador consultar o médico, este vai informar sobre qual a melhor forma de coleta célular para paciente que receberá a medula, de acordo com sua doença e da fase em que se encontra. O doador decide juntamente com médico sobre a melhor forma de doação.

COMO A MEDULA É REMOVIDA ?

Existem duas formas de doar medula:
Punção direta da medula óssea - É realizada com agulha, na região da nádega, de onde retirase uma quantidade de medula equivalente a uma bolsa de sangue. O procedimento dura 40 minutos e é feito com anestesia. O doador fica em observação por um dia e pode retornar para casa no dia seguinte. Após esse processo, o doador tem a sensação de que recebeu uma injeção oleosa, porém, não ficam cicatrizes, apenas míminas marcas de alguns furos de agulha.
Punção da veia - A coleta pela veia é realizada pela máquina de aferece. O doador recebe um medicamento por 5 dias que estimula a proliferação das células-mãe migram da medula para as veias e são filtradas. O processo de filtração dura em média 4 horas, até que se o número adequado de célular. O efeito colateral do medicamento é que ele provoca dores no corpo, como as de uma gripe.OS RISCOS PARA O DOADOR SÃO MÍNIMOS.

COMO OS PACIENTES RECEBEM A MEDULA ?

Depois de um tratamento que destrói a própria medula, o paciente recebe a nova medula por meio de transfusão. Em duas semanas a medula transplantada já estará produzindo células novas.

POSSO DOAR MAIS DE UMA VEZ ?

Dificilmente haverá mais de uma pessoa compatível com o doador, no entanto se for necessário , pode haver mais de uma Doação. A medula se regenera rapidamente, como acontece na doação de sangue.

PARA SER DOADOR DE MEDULA PRECISA TER O MESMO TIPO SANGUINEO ?

Não! O que vai determinar se você pode ser ou não o doador é o teste de HLA e não o tipo sanguíneo.

CADASTRO

  • Você precisa ter entre 18 a 55 anos de idade e estar em bom estado de saúde.
  • Colher um exame de sangue (5 ml) para o teste de compatibilidade (HLA).
  • Fornecer sua identificação e endereço para serem colocados no banco de dados com o resultado de seu exame de (HLA).
  • Quando aparecer um paciente, sua compatibilidade será verificada. Se houver compatibilidade, outros teste sanguíneos serão necessários.
  • Se a compatibiliadade for confirmada, você será convocado para decidir a doação.
  • Você será avaliado pelo um medico e receberá mais nformações.

QUEM NÃO PODE DOAR

Você so não pode ser doador se tiver alguma desta doenças. Não podem doar que já teve: HEPATITE B , C , HIV , SIFILIS , CHAGAS, LEUCEMIA OU ALGUM TIPO DE CÂNCER NO SANGUE.

FORMAS DE TRANSPLANTE

Há quatros formas de transplante:
  1. Alogênico: as células progenitoras provém de um doador previamente selecionado por testes de compatibilidade, principalmente o HLA (antígeno de hispocompatibilidade leucocitária) normalmente identificado entre os familiares ou em bancos de medula óssea. Os bancos de medula óssea podem ter cadastrados doadores adultos ou bancos de cordão umbilical.
  2. Autólogo: as células progenitoras provém do próprio paciente.
  3. Singênico: as células progenitoras provém de gêmeos idênticos (univitelinos).
  4. Haploidêntico: a técnica consiste em manipular as células de um doador parcialmente compatível, de modo a fazer com que sejam toleradas pelo organismo do receptor.

VOCÊ SABIA ?

Tudo seria muito simples e fácil se não fosse o problema da compatibilidade entre as medulas do doador e receptor. A chance de encontrar uma medula compatível pode chegar a UMA EM 1.000.000. Em razão disso existe o REDOME, um banco de doadores de medula óssea. Quando um paciente necessita de transplante, esse banco é consultado e se for encontrado um doador compatível, ele será convidado a fazer a doação.

Na última Noite Fora do Eixo do ano realizada pelo Coletivo Suíça Bahiana, vamos por início à Turnê Nordeste Novíssimos Baianos. O show se realizará na próxima quinta-feira, dia 2 de dezembro, e contará com as presenças das bandas Maglore, de Salvador, e Os Barcos, de Conquista. Os considerados Novíssimos Baianos já se apresentaram no Viela Sebo-Café e retornam para fechar o ano repetindo o sucesso obtido na primeira vez.
O nome “Novíssimos Baianos” vem de um renomado site de Salvador que colocou Os Barcos e a Maglore no rol de artistas que ocuparão o lugar de uma famosa banda já extinta, os Novos Baianos. Elas fazem parte da atual safra de músicos que se desponta como a promessa da música do nosso estado, do nosso país.
A Maglore começou a sua bem-sucedida carreira com “Cores do Vento”, seu primeiro EP e disparou tocando em vários eventos de grande importância estadual, como o Festival de Verão de Salvador. A banda está finalizando seu CD e conta com uma legião de fãs espalhada por todo o país. Nery Castro, Teago Oliveira, Leo Brandão e Igor Andrade formam a Maglore que produz um som que contagia a todos, de várias tribos e com a mesma intensidade.
Ao lado dos soteropolitanos, apresenta-se Os Barcos. Fundada em 2008, com integrantes de Poções e Vitória da Conquista, a banda produz um som de alta qualidade, com letras e melodias gostosas de ouvir, o que fez com que sua música fosse reconhecida em todo o estado. Marx, Netinho, Ivan e Fernando acabaram de gravar o primeiro CD da banda e vão sair em turnê para, junto com a Maglore, apresentar seu trabalho para várias culturas e angariar um público cada vez mais diverso.
Por falar na turnê, ela se realizará entre os dias 2 a 12 de dezembro e passará por várias cidades, entre elas, Salvador, Campina Grande, Cajazeiras e Recife. Com iniciativa das bandas e seus produtores, a turnê também tem o apoio do Circuito Fora do Eixo, que iniciou suas turnês no ano de 2009 e se firmou como uma forma alternativa de circulação de bandas que envolve não somente as bandas participantes em si, mas também, casas de shows, produtores, comunicadores e toda a Rede Fora do Eixo.

SERVIÇO:
Última Noite Fora do Eixo do ano e início da Turnê Novíssimos Baianos
Dia: 02/12/10
Local: Viela Sebo-Café. Rua Siqueira Campos, 350, Bairro Recreio.
Hora: 19h
Ingressos: R$5,00

Fonte: Coletivo Suíça Bahiana

GUTO GRANDI (“ENDORSEE HERING HARMÔNICAS”)

faz o "Pré-Lançamento" do seu novo CD em Lagoa Santa !

Depois de 06 anos morando em Florianópolis e atendendo a pedidos devido ao sucesso dos shows no Bar DONA CHICA, o harmonicista GUTO GRANDI estará de volta a LAGOA SANTA no Sábado (04 DEZEMBRO) e fazendo o "Pré-Lançamento" do novo CD, que leva o nome de "MIX HARP I" - QUE ESTARÁ A VENDA NO LOCAL .

O CD é uma síntese de toda sua carreira e apresenta 17 faixas, onde a gaita de boca é muito bem destacada em vários estilos musicais, como o Rock, o Blues Afro - Americano e a Música Brasileira !

"OBS" :

A Apresentação em LAGOA SANTA (04/12 - Sábado) será em formato acústico - Voz, Violão e Gaita de Boca !

Guto Grandi, gaitista da Hering Harmônicas, ao lado o extraordinário músico Catarinense WILSON SOUZA, que se prepara para lançar seu segundo CD na carreira Solo e hoje reside em BH onde já se destaca no cenário Mineiro pelo virtuosismo no violão ! O Repertório da dupla será diferenciado interpretando os grandes clássicos da MÚSICA BRASILEIRA, além das composições próprias !

VENHA PARTICIPAR DESSA NOITE NO DONA CHICA !

CONFIRA OS SITES :

www.myspace.com/gutograndi

www.gutograndi.blogspot.com

www.myspace.com/wilsonsouza

04/12 (SÁBADO - 21:30H)

Guto Grandi (Hering Harmônicas) e Wilson Souza

no BAR DONA CHICA (Em Lagoa Santa/MG)

(Av. das Árvores 610, Jardim Ipê - Lagoa Santa (MG) -

COUVERT : R$5,00 - INFORMAÇÕES no tel - 31. 9911-6042)



Segue o cartaz do Roteiro Blues de Dezembro, com toda a programação. O cartaz está em tamanho real. Basta clicar para pegá-lo em tamanho grande, e se quiser até imprimir para ajudar na divulgação.

Reforço que esta é apenas a programação do Roteiro. Outros shows ainda serão divulgados, por fora do Roteiro Blues, como por exemplo um show extra com Mustache Maia e o Olinda Sessions, ambos eventos que fazem parte de outros projetos.

Fique ligado!

É isso mesmo. Precisa explicar mais? A partir de Dezembro,Terça, dia 7 (véspera de feriado), até o Carnaval (pelo menos) vai rolar Olinda Sessions na Cachaçaria Virgulino, do mesmo jeitinho que rola na Segunda lá no Caravela's, mas de outro jeito (deu pra sacar?) - lá é lá, ali é ali.

Ou seja, as Segundas continuam firmes e cada vez mais fortes, e quem é da vibe de Olinda, ou secão pra tocar, pode também se chegar às Terças lá no Virgulino.

As sessions de Olinda, por vários motivos que não precisam de explicação, terão surpresas que só poderiam acontecer por lá, e prometem se transformar num evento à parte, pouco a pouco, com características diferentes do Recife Blues Sessions.

Já aviso logo que a Cachaçaria Virgulino é a casa mais style, e vai ser o pico mais bombado deste verão em Olinda. A casa cabe pra mais de 500 neguinhos, que lotam o pico pra curtir Samba,Forró e Reggae, toda semana. Agora, queremos ver cheia também com Blues.

"Será que vai dar certo?"

Well, se a galera blueseira quiser que dê certo, vai dar. Borachegar por lá, todo mundo junto?

Combinado então! Espalhem as notícias.
BB King

Demorou, mas conseguimos uma cópia do programa Prosa Cultural, da TVE-UESB com a DB. O programa foi gravado no dia 22 de outubro (vide post) e exibido uma semana depois, no dia 29. A DB, ainda com Sam e Dieguinho na formação, falou sobre projetos, músicas próprias e um pouco da própria história. Confira na sequência de 3 vídeos acima.

Por Ester Barreto



Faz algum tempo conheci por meio de “amigos virtuais” comuns, um cara chamado Ari Frello. Não sei como funciona nos outros meios, mas no blues, é comum a gente conseguir ter contato e muitas vezes até amizade com os melhores músicos do estilo no país, e até fora dele.

Ari Frello faz parte desse grupo de amigos talentosíssimos que tenho muito orgulho de ter. Considerado um dos melhores sliders do país, o moço aplica a técnica tanto nas guitarras quanto em violões dobro, e criou um estilo próprio que mescla jazz, blues, baião, música caipira... A sonoridade lembra muito o ritmo do delta blues, como o de Son House e Robert Johnson.

Atualmente toca com a banda Ari Frello & Lawmen Band, misturando o melhor do Rock, do Delta Blues e da música Brasileira. Além das apresentações locais em Criciúma, a cidade onde reside, Ari já se apresentou na Argentina e recentemente no Peru no Festival Internacional de Blues en Perú – Lima.

Está prometido para breve o lançamento do primeiro desse artista, mas isso é só começo!Se quiser saber mais, acesse:

- arifrello@arifrello.com

- www.myspace.com/arifrellopraondeeufor

http://1.bp.blogspot.com/_cqnYShHXSbE/TOwUSk27sKI/AAAAAAAAAP8/T_D1R6b6ZEI/s1600/cartaz+villa+nov2010+50.jpg
http://www.laboratoriopop.com.br/imagensUpload/jeff-beck.jpg
Um dos ícones da guitarra inglesa pisa em solo brasileiro nesta semana

Aclamado pelas revistas especializadas como um dos mais influentes guitarristas da história do rock, o britânico Jeff Beck está de volta ao país e no dia 25 de novembro se apresenta na Via Funchal.

Em turnê mundial desde abril, quando lançou seu último álbum, Jeff está se apresentando acompanhado pelo baterista Narada Michal Walden, o tecladista Jason Rebello e a baixista e vocalista Rhonda Smith, que já se apresentou ao lado de Prince. Na estréia da turnê, Beck tocou com Eric Clapton, nos Estados Unidos.

Nascido em Wallington, em junho de 1944, Jeff começou a trabalhar como guitarrista de estúdio. Em 1965 ele entrou para o Yardbirds (depois que Eric Clapton deixou o grupo). Dezoito meses depois ele também sairia, por problemas de saúde. Fundou então a The Jeff Beck Band, mas seu grande sucesso viria com a carreira solo, em 1975, ao gravar o álbum Blow by Blow.

Uma característica marcante de seu trabalho é o fato de Jeff não trabalhar sempre com o mesmo estilo musical, optando por uma fusão de gêneros que vão desde o jazz até o rock n' roll, sempre com um toque bastante pessoal. Recentemente uma rádio fez uma pesquisa mundial com uma série de críticos de todo o mundo e Jeff Beck foi considerado o 4º maior e mais influente guitarrista do rock. Na revista Rolling Stone ele está em 14º entre os 100 maiores guitarristas de todos os tempos.

Desde seu primeiro álbum – “The GTO’s”, lançado em 1967, Jeff lançou 20 discos. Nos três últimos, lançados esta década, passou a flertar com a música eletrônica. “Jeff”, lançado em 2003, deu ao artista seu terceiro Prêmio Grammy. Ao contrário da maior parte dos guitarristas do rock, Jeff costuma tocar sem a palheta. A segunda maior paixão do artista depois da música são os carros antigos – ele próprio é um habilidoso mecânico e restaurador.

O último disco de Jeff Beck, “Emotion & Commotion" (seu primeiro álbum solo de estúdio em sete anos), foi lançado em abril deste ano e traz Jeff colaborando com uma orquestra de 64 músicos em algumas faixas, como na “Symphony No. 5,” de Gustav Mahler e “Nessun Dorma,” de Puccini. "Acabou dando muito certo, mas eu não queria um álbum todo de música clássica," disse Jeff. O disco traz ainda originais e covers, incluindo homenagens a Jeff Buckley (em “Corpus Christi Carol”), ao Mágico de Oz (“Somewhere Over the Rainbow”) e a Screamin’ Jay Hawkins” (“I Put a Spell On You” com a participação de Joss Stone nos vocais).

Fonte: viafuncal.com.br

Confira aqui as datas da tour pela América do Sul:

Jeff Beck South America Tour Dates.

Jeff Beck and his band announce his 2010 South America Tour:

24th Nov Viva Rio, Rio De Janerio
go to www.ingressorapido.com.br to purchase your tickets

25th Nov Via Funchal, Sao Paulo
go to www.viafunchal.com.br to purchase your tickets

28th Nov Luna Park, Buenos Aires

30th Nov Teatro Caupolican, Santiag...

Fonte: jeffbeck.com

http://farm3.static.flickr.com/2451/3856786259_d725d9c559_o.jpg

Amanhã no Bourbon Street s apresenta a banda Preservation Hall Jazz Band, direto de New Orleans. Jazz tradicional para os ouvidos mais sensíveis. Imperdível! Confira abaixo um clipe da banda.




JOHN LEE HOOKER E BONNIE RAITT - I'M IN THE MOOD
Faixa do álbum The Healer
http://lh6.ggpht.com/_Aujqz_6ATRw/TOqpZmK9tkI/AAAAAAAAAU8/ZBl9w3Y-Eos/s800/tomarock2.JPG
http://www.dizioli.art.br/dz/wp-content/uploads/2009/01/jazz-logo.gif

SÃO PAULO:

Data 23 de novembro, terça-feira, às 12h30
Tema Show
Músicos Tito Martino Jazz Band
Local Livraria Cultura Conjunto Nacional

Data 26 de novembro, sexta-feira, às 20h00
Tema Pocket Show - Vamos ao Jazz
Músicos Traditional Jazz Band
Local Livraria Cultura Shopping Villa-Lobos

Data 30 de novembro, terça-feira, às 12h30
Tema Show
Músicos Tito Martino Jazz Band
Local Livraria Cultura Conjunto Nacional

Data 07 de dezembro, terça-feira, às 12h30
Tema Show
Músicos Tito Martino Jazz Band
Local Livraria Cultura Conjunto Nacional

CAMPINAS

Data 07 de dezembro, terça-feira, às 19h00
Tema Pocket Show
Músicos Expresso Fusion
Local Livraria Cultura Shopping Center Iguatemi Campinas

PORTO ALEGRE

Data 26 de novembro, sexta-feira, às 20h00
Tema Pocket Show - Diálogos Jazzísticos
Músicos Daniel Gehlen e André Jacobi
Local Livraria Cultura Bourbon Shopping Country

RECIFE

Data 25 de novembro, quinta-feira, às 19h00
Tema Work Shop de Bateria
Músicos Walter Lopes
Local Livraria Cultura Paço Alfândega

Mais informações em Livraria Cultura




http://2.bp.blogspot.com/_m6onwoRqDwA/SlxgseZK81I/AAAAAAAAAJY/3RS8QSwWGGg/S1600-R/logocapablog.jpg

Kenny Neal & Cadillac Blues Band

Porto Alegre será palco de uma das maiores atrações do blues norte-americano da atualidade. O multi-instrumentista Kenny Neal se apresentará no próximo dia 25, no Sgt. Pepper's, em um evento que reunirá alguns dos mais importantes nomes do Blues Gaúcho.

Nascido em New Orleans e criado na pantanosa cidade de Batoun Rage na Luisiana, Kenny iniciou na música aos 3 anos de idade tocando uma harmônica, presente de Slim Harpo, um amigo da família. Com seu pai, Raful Neal, harmonicista, cantor e compositor, aprendeu tudo o que pôde em termos musicais; com 13 anos já tocava piano, guitarra harmônica e baixo (instrumento que tocava na banda de seu pai). Aos 17 anos, ainda como baixista, foi recrutado por Buddy Guy, deixando o interior rumo às grandes capitais. Seguindo o conselho de amigos, começou a se dedicar mais à guitarra e, junto a seus irmãos, mudou-se para Toronto, onde formaram a “Neal Brothers Band”. Quando se sentiu pronto, iniciou a carreira solo e não demorou muito para ser reconhecido com um dos maiores nomes de sua geração. Com mais de dez discos gravados, Kenny já teve seu próprio programa de TV. Coleciona prêmios e indicações, dos quais podemos citar os mais importantes:

2009 Monterey Bay Blues (MOBBAY) - Artista do Ano.

2009 BMA (Blues Music Award) - Vencedor da Melhor Canção do Ano com "Let

Life Flow".

2009 West Coast Blues Hall of Fame Awards - Pelo melhor Disco do ano "Let

Life Flow" e melhor banda de blues do ano.

Blueswax – Álbum do ano com "Let Life Flow” .

2009 Grammy – Indicações em 4 categorias.

Hometown Video Awards 2008 Winner - Melhor Talk Show "NEAL'S PLACE"

2005 W.C. Handy Blues Awards – Melhor álbum de blues acústico.

2003 Slim Harpo Award in Baton Rouge

1999 Grammy – Nomeação pelo “Tribute to Howlin' Wolf” para Melhor disco de Blues Tradicional.

1994 Theatre World Award "Outstanding New Talent" on Broadway

1989 Big Bill Broonzy Award in Paris"

Sua última passagem pelo Brasil foi em 2003, como uma das principais atrações do Natu Blues Festival, que aconteceu nas três capitais da região sul do Brasil. Neal encantou o público cantando, tocando guitarra, harmônica e, algumas vezes, até mesmo baixo e teclado.Neste ano, Kenny será acompanhado pela “Cadillac Blues Band” formada pelos músicos: Gaspo “Harmônica” (Gaita de Boca), Sérgio Selbach (Baixo), Arno Azambuja (Guitarra Base), Luciano Rhoden (Bateria) e o pianista convidado João Maldonado. Como convidados especiais não poderiam faltar os ícones do Blues Gaúcho, os guitarristas Solon Fishbone e Fernando Noronha


Serviço do Show:

Kenny Neal & Cadillac Blues Band

Participações Especiais: Solon Fishbone e Fernando Noronha

Local: Sgt Pepper's – Rua Dona Laura, 329 – Fone: 3331-3258

Ingressos Antecipados: Toca do Disco-Rua Garibaldi, 1043 – Fone: 3311-4551

Valor dos Ingressos:

1º Lote: R$30,00

2º Lote: R$40,00

3º Lote: R$50,00 (Na hora)


http://images.orkut.com/orkut/photos/OgAAAK6FiuLQZA7G3CXb6UHbAOguY_dKDQptWeEk4PJw7BowqYc1jKKQuI1OXGUtJSJ771hThSi2Nrv0kr9eVlwMl8QAm1T1UGPci5r2bAXmz6SRzi820TgqDhJc.jpg

Continuamos está à procura de novo(a) baterista e tecladista. Se toca, gosta de blues e está disposto a trabalhar duro, basta clicar AQUI e seguir as orientações. Esperamos por você.

Nesta Quarta-Feira, 24 de Novembro, tem Oi Blues By Night no Spirit, trazendo o encontro da banda paulista Irmandade do Blues, com o vocalista Andre Matos (Shaman, Viper, Angra).

Na abertura a Uptown Band promete receber convidados especiais.

Este é o show de encerramento da temporada 2010 do projeto Oi Blues By Night, produzido por Giovanni Papaleo, e merece a visita!

Pra quem não sabe, a Irmandade do Blues é uma das mais entrosadas bandas de Blues do cenário brasileiro, capitaneada por Vasco Faé (que no ano passado se apresentou em Recife ao lado de Andre Matos acompanhados pela Uptown Band), e faz um Blues visceral, com excelentes vocais, gaitas, e guitarras. Já Andre Matos é essencialmente um vocalista de Heavy Metal, que, entrando na praia do Blues, nos dá a chance de reforçar o link extremo entre a música do Mississippi e bandas como Deep Purple e Zeppelin.

Quer ganhar ingressos para este show?

Facinho! basta chegar HOJE lá no Recife Blues Sessions, na Rua do Bom Jesus, 22hs (Caravela's). O Recife Blues e o Oi Blues sortearão 10 pares de ingressos entre os presentes.

Esteja lá!

Nesta Quinta-Feira, 25 de Novembro, Guto Santana e seu projeto AbluesADO se apresentam no Bar Biruta, pelo Roteiro Blues.

Gutão é um dos bons gaitistas que temos neste país, e sua banda surpreende pela versatilidade, apresentando um repertório que mistura Blues a elementos do Jazz e da MPB.

Sonzeira de mais.

Nesta Sexta-Feira, 26 de Novembro, a banda Comando Delta Blues volta ao Roteiro Blues, com mais um show no bar Burburinho, que vai ser show de bola.

No repertório, estão clássicos do Blues e versões blueseiras para Pink Floyd, Direstraits e outras coisas legais.

E Sábado, 27 de Novembro, tem mais Caravela's, com um show especial da Slideblues Band.

Para aquela moçada perdida na cena local, é legal lembrar que a Slideblues Band é a banda de Dennis Heavyline, organizador do festival de Blues que rola no final de ano na Livraria Cultura, e do guitarrista Kenji, véio de guerra da cena recifense.

A Slideblues faz um Blues tradicional e muito bem tocado. O show da moçada costuma empolgar as platéias blueseiras, e deve dar aquela costumeira agitada na Rua do Bom Jesus.

Bora chegar por lá!

Recife Blues Sessions
Local: Caravela's
Dia/Hora: 22 de Novembro/22:00hs
Endereço: Rua do Bom Jesus, Bairro do Recife
Entrada: R$5,00


Irmandade do Blues & Andre Matos + Uptown (Oi Blues)
Local: Spirit
Dia/Hora: 24 de Novembro/22:00hs
Endereço: Rua do Futuro
Entrada: R$25,00/R$20,00
Guto Santana & AbluesADO
Local: Bar Biruta
Dia/Hora: 25 de Novembro/22:00hs
Endereço: Rua Bem-Te-Vi 15, Orla do Pina
Entrada: R$7,00

Programa Boa Noite Blues
Local: Rádio Universitária AM
Dia/Hora: 26 de Novembro/18:00hs

Midnight Man e Má Companhia
Local: Caravelas
Dia/Hora: 26 de Novembro/21:00hs
Endereço: Rua do Bom Jesus
Entrada: R$5,00
Delta Blues Band + DJ Elcy
Local: Burburinho
Dia/Hora: 26 de Novembro/22:00hs
Endereço: Rua Tomazina 106
Entrada: R$7,00
Slideblues Band
Local: Caravela's
Dia/Hora: 27 de Novembro/22:00hs
Endereço: Rua do Bom Jesus, Bairro do Recife
Entrada: R$5,00

Jazz aos Domingos(Cats & Dogs)
Local: Casa da Moeda
Dia/Hora: 28 de Novembro/19:30hs
Endereço: Rua da Moeda
Entrada: R$3,50

Programa Do Mississippi ao Capibaribe
Local: Rádio Universitária FM
Dia/Hora: 29 de Novembro/20:00hs
Recife Blues Sessions de Verão
Local: Caravelas
Dia/Hora: 29 de Novembro/22:00hs
Endereço: Rua do Bom Jesus
Entrada: R$5,00 (R$2,50 para Músicos)