glu

maio 2010

http://op3cyg.blu.livefilestore.com/y1pJjDMIvfyN4aEL67qeJjFuyhe2esH6Wiam85UmdZqVkQYmYllRR_U7lR9mEIbt5NbP6mKbXzsATJ8AgmlYLaCaXg-ihb83tD0/p%C3%A9s.JPG
É músico? Quer tocar blues? envie-nos seu release


Você é músico? Gosta de blues? Quer tocar numa banda séria de verdade? Queremos conhecê-lo(a). basta enviar um e-mail para contato@distintivoblue.com contando um pouco sobre você. O e-mail deve conter:

1 - Nome:
2 - Data de nascimento:
3 - Cidade / estado onde mora:
4 - Instrumento que toca:
5 - Um pequeno texto-release contendo ano em que começou a tocar, bandas que já tocou, o que costuma ouvir em casa e outras informações que julgar necessárias.
6 - Material gravado, se tiver.

Algumas características cruciais para ingressar na equipe: NÃO ser preguiçoso(a) ou medroso(a), gostar realmente de blues e, principalmente, ser responsável(lembre-se de que uma banda é um grupo onde todos são dependentes entre si. Se um dos componentes não leva o trabalho a sério, todos são prejudicados, inclusive a credibilidade da banda: há um nome a zelar).

Seu e-mail será lido e respondido em menos de 24 horas. Mãos à obra, bluesman(girl)!


http://1.bp.blogspot.com/_Qk3zOCZm0X8/Sol7fX6cSRI/AAAAAAAAAtI/i4_WpBadYOU/S1600-R/RECIFEBLUES.jpg

Hoje tem mais Recife Blues Sessions no Cyber Café Caravela's, chova ou surja a lua. Aos que conhecem o Caravela's, vale explicar que em caso de chuva, as sessions vão acontecer na parte de dentro da casa, com espaço suficiente para bastante gente, ar condicionado, internet e tudo mais.

Nesta Segunda-Feira, 31 de Maio, o as sessions começam a partir 22 horas,mas já rola som por lá apartir das 20 horas, com a Banda Rei Joe tocando clássicos do rock.

Todas as informações estão em recifeblues.com.br .

Pra quem ainda não conhece o Caravela's, vale dizer que se trata do point atualmente mais movimentado na cena de Blues no Recife Antigo (quiçá da cidade), com shows semanais de Rodrigo Morcego, Midnight Man, Recife Blues Sessions e outras feras que aparecem por lá em shows pontuais.

Você pode saber mais da casa em http://bacurau.com.br/bares/caravelas-cyber-cafe/

A banda de base do Recife Blues Sessions continua a mesma, com Alexandre Santiago (Voz e Guitarra), Rico Bluestamontes (Voz e Arranhados numa ou outra Guitarra), Fred (Voz e baixo) e Márcio Menezes (Bateria), e participações pontuais de outros feras tais como Rodrigo Morcego.

A banda fará um pocket show por volta das 22 horas, e os músicos presentes podem ir colocando seus nomes no quadro negro, para entrarem no palco.

Moçada que já toca pra caxeps, se liguem que o quadro negro não é apenas para a moçada nova. Ele foi feito para democratizar, e nele cabem nomes da moçada experiente tanto quanto dos "freshmen".

Músicos devem levar seus instrumentos, salvo se combinarem anteriormente com algum outro músico presente a respeito de empréstimo de instrumento (bateristas, aconselha-se levar caixa e baquetas, para evitar as complicações normais sobre marcação de peles e quebra de baquetas).

Outro toque importante é que a moçada que vai entrar no palco para jams deve afinar seus instrumentos antes de chegar sua vez de entrar na banda, e não depois que estiver montado ( a idéia é entrar, plugar e sair tocando, para não ficar chato para o público presente)

*Note que o aconselhamento a respeito de levar instrumentos nada tem a ver com quebra do clima de cooperação e de compartilhamento, mas por se tratar de uma jam session de alto giro, é de bom tom que se evitem os transtornos comuns com avarias em instrumentos alheios (se liga!).

Mais informações em http://recifeblues.com.br

Recife Blues Sessions
Local: Caravela's
Dia/Hora: 31 de Maio/20:00hs (e todas as Segundas subsequentes)
Endereço: Rua do Bom Jesus, Recife Antigo
Entrada: R$5,00 (músicos com instrumentos pagam R$2,50)

http://op3cyg.blu.livefilestore.com/y1pfY5JakO-8gcLa437gqcTHyBi_dOvdUsvkBkMAfJwO9k883TYnjLBKIHWcPmbs7_MXiPcTc0KDA1qqToTfQyh6ZSaJBPWKsZa/divina%20blues%20solon2.jpg
http://cdn.mos.musicradar.com/images/artist-news/Robert%20Johnson/robert-johnson-vanity-fair-460-100-460-70.jpg
Foto onde supostamente estão Robert Johnson e Johnny Shines. A Robert Johnson Blues Foundation, fundada por seus descendentes vende cópias pela internet como verdadeira.
http://3.bp.blogspot.com/_fVy82ZbNPmI/SMu3pjHT4jI/AAAAAAAAB8U/Q6F9k6goB44/s400/somdatribo.jpg

Celso Blues Boy no RN

Natal estará recebendo pela primeira vez Celso Blues Boy, o maior nome do blues nacional e um dos pioneiros do rock Brasil dos anos 80.

Com mais de 30 anos de carreira, Celso conseguiu com sucesso misturar rock e impor um sotaque brasileiro ao blues, conquistando vários discos de ouro nos anos de 80 com álbuns como “som na guitarra”.

Em abril, lançou o DVD Celso Blues Boy ao vivo no Canecão, tradicional casa de shows do Rio de Janeiro, lotado.

É o artista de blues rock com maior vendagem de discos no Brasil.

Suas canções embalaram também trilhas sonoras de filmes do cinema nacional como "Rock Estrela" e "Bete Balanço".

O vídeo da música Mississipi no you tube contabiliza mais de 50 mil acessos.

Parcerias em gravações com Cazuza e o rei do blues mundial , B.B. King, elevam o nome de Celso a "hors concour" no gênero.

A noite contará ainda com a partcipação das bandas locais The Blue Mountain e Mobydick.

O evento é uma produção do clube do blues e será realizado em duas datas e casas distintas durante o feriadão de corpus christi: dias 03 /06 na Taverna Pub e 04 /06 no Sgt. Pepper´s Ponta Negra.

Serviço:

O Quê : Clube do Blues
Show : Celso Blues Boy - participações locais -The Blue Mountain e Moby Dick
Horário: à partir das 22:00

Datas e Locais:

03/06 (quinta feira) - Taverna Pub, rua Dr Manoel Augusto Bezerra de Araújo, 500A

04/06 (sexta feira)- Sgt Peppers Ponta Negra, Av. Engº Roberto Freire 9102, Ponta Negra.

Senhas e mesas antecipadas a preços promocionais :

PEDRASSOLI TURISMO- (84) 3082-8652

1º Lote até 25/05

2º Lote até 31/05

GARANTA JÁ SUA SENHA!!!

INFORMAÇÕES: (84) 9117-1757/9156-6008

http://images.orkut.com/orkut/photos/OgAAAMbC5ZrEyYHZYvOUX0KduT9rPXWZjL9hT0j-Kf7Pe6EOtQggvkpN4GiqlGinNVeUduHjftLZijqKqy-BHKvoTncAm1T1UDKMc_0nUkW9odlrr9wKe0eTTuBf.jpg


CLUBE DE PATIFES E ALUGA-SE NO SHOW, SÓ AS MÃES SÃO FELIZES EM CAMAÇARI

LOCAL: CASA DE TAIPA
HORARIO: 21:00H















CLUBE DE PATIFES E ALUGA-SE NO SHOW, SÓ AS MÃES SÃO FELIZES EM CAMAÇARI

LOCAL: CASA DE TAIPA
HORARIO: 21:00H

http://cyndilauper.com/wp-content/uploads/2010/05/fool2.jpg
Cyndi Lauper lançará CD de blues com participações mais que especiais


No dia 22 de junho chega às lojas o aguardado Memphis Blues, novo álbum de Cyndi Lauper. Mas a cantora já disponibilizou em seu canal no iTunes o primeiro single do CD, intitulado Just Your Fool.

Depois de fazer um sucesso estrondoso na década de 80 com seu repertório pop, a cantora resolveu fazer um álbum composto apenas por covers de blues. Entre os convidados, estão B.B King, Charlie Musselwhite, Ann Peebles e Johnny Lang.

Ouça abaixo o single Just Your Fool:


O mestre da guitarra, Jimi Hendrix. (Divulgação)

Luciano Borborema
Território Eldorado

Jimi Hendrix que a vida inteira usou uma Fender Stratocaster foi eleito o melhor guitarrista de todos os tempos, segundo votação realizada no site da fabricante de guitarras Gibson. A escolha foi feita por especialistas, jornalistas, músicos e internautas. Sem Santana, figuram na lista: Jimmy Page (Led Zeppelin), Keith Richards (The Rolling Stones), The Edge (U2), Angus Young (AC/DC) e Eric Clapton (Cream, Derek and the Dominos).

Confira a lista completa abaixo:

1. Jimi Hendrix
2. Jimmy Page (Led Zeppelin)
3. Keith Richards (The Rolling Stones)
4. Eric Clapton (Cream, Derek and the Dominos)
5. Chuck Berry
6. Jeff Beck (The Yardbirds, The Jeff Beck Group)
7. Eddie Van Halen (Van Halen)
8. Chet Atkins
9. Robert Johnson
10. Pete Townshend (The Who)
11. George Harrison (The Beatles) [na foto]
12. Stevie Ray Vaughan
13. Jack White (The White Stripes, The Raconteurs)
14. Prince
15. Steve Cropper (Booker T. & The MGs)
16. Mike Bloomfield (Paul Butterfield Blues Band, Bob Dylan)
17. B.B. King
18. Wes Montgomery
19. Mick Ronson (David Bowie, Ian Hunter)
20. Django Reinhardt
21. Johnny Marr (The Smiths) [na foto]
22. Les Paul
23. The Edge (U2)
24. Ron Asheton (The Stooges)
25. Angus Young (AC/DC)
26. Neil Young
27. Danny Gatton
28. Ed O'Brien/Jonny Greenwood (Radiohead)
29. Duane Allman (The Allman Brothers, Derek and the Dominos)
30. Roy Buchanan
31. Bo Diddley
32. Ry Cooder
33. Scotty Moore (Elvis Presley)
34. Slash (Guns N’ Roses, Velvet Revolver) [na foto]
35. Buddy Guy
36. Charlie Christian
37. Mike Campbell (Tom Petty and the Heartbreakers)
38. Lou Reed (Velvet Underground)
39. Frank Zappa
40. Steve Jones (Sex Pistols)
41. David Gilmour (Pink Floyd)
42. Richard Thompson
43. John Frusciante (Red Hot Chili Peppers) [na foto]
44. Rory Gallagher (Taste)
45. Clarence White (The Kentucky Colonels, The Byrds)
46. Hubert Sumlin (Howlin’ Wolf, Muddy Waters)
47. Andrés Segovia
48. Robert Fripp (King Crimson)
49. Kurt Cobain (Nirvana)
50. Ritchie Blackmore (Deep Purple, Rainbow)

Luciano Borborema
Território Eldorado




Nesta semana, a novidade é a volta da Slide Blues Band àLivraria Cultura, tocando alguns sons autorais e clássicos do Blues.

E a agenda do Blues segue muito bem com as datas fixas da moçada...

Rodrigo Morcego
Local: Biruta Bar
Dia/Hora: 27 de Maio/22:00hs
Endereço: Rua Bem-Ti-Vi, 15 - Brasília Teimosa
Entrada: R$7,00

Midnight Man
Local: Caravelas
Dia/Hora: 28 de Maio/20:30hs
Endereço: Rua do Bom Jesus
Entrada: R$5,00

Comando Delta
Local: Novo Pina
Dia/Hora: 29 de Maio/22:00hs
Endereço: Rua da Moeda
Entrada: Não Informado

Midnight Man
Local: Bar Burburinho
Dia/Hora: 29 de Maio/22:00hs
Endereço: Rua Tomazina, 106
Entrada: R$7,00

Slide Blues Band
Local: Livraria Cultura
Dia/Hora: 30 de Maio/17:00hs
Endereço: Shopping Alfândega
Entrada: 1 Quilo de Alimento Não Perecível

Recife Blues Sessions
Local: Caravelas
Dia/Hora: 31 de Maio/22:00hs
Endereço: Rua do Bom Jesus
Entrada: R$5,00

Rodrigo Morcego
Local: Caravelas
Dia/Hora: 02 de Junho/20:30hs
Endereço: Rua do Bom Jesus
Entrada: R$5,00

Rodrigo Morcego
Local: Biruta Bar
Dia/Hora: 03 de Junho//22:00hs
Endereço: Rua Bem-Ti-Vi, 15 - Brasília Teimosa
Entrada: R$7,00
 
Cique na imagem para aumentar o tamanho
http://escafandro.blogtv.uol.com.br/img/Image/escafandro/jazz-initiative.jpg
Podcast Jazzy do Estadão

Podcast Jazzy 104 – Rio das Ostras 2010: brisa do mar e jazz na faixa - O 8ª edição festival fluminense Rio das Ostras Jazz e Blues oferece mais uma vez jazz de graça e paisagem privilegiada. Os destaques são Ron Carter, Joey Calderazzo, Raul de Souza e Mulgrew Miller.
http://www.estadao.com.br/interatividade/Multimidia/ShowAudios.action?destaque.idGuidSelect=2832B37025CC48258CF6D21E238FD27D
Para ouvir as edições anteriores, clique no link a seguir:
http://nosreme73.multiply.com/journal/item/11/Podcast_Jazzy
Para saber detalhes sobre cada um dos programas, clique no link a seguir:
http://www.sobresites.com/jazz/podcast.htm
O Guia de Jazz também está no twitter. Não deixe de visitar e clicar em follow para poder acompanhar online as novidades do Guia. Dicas de shows, de sites, atualizações do Guia de Jazz e muito mais você encontra no nosso Twitter.
http://twitter.com/guiadejazz
O Guia de Jazz virou livro: Jazz ao seu alcance. Saiba mais:
http://nosreme73.multiply.com/reviews/item/59
 
Boa Noite Blues hoje direto de Recife


O programa “Boa Noite Blues” irá ao ar nesta sexta-feira, 28 de maio, às 18:00h, pela Rádio Universitária AM 820khz.

Hoje teremos um mini-especial com Robert Johnson, e além dele Albert Collins, The Bluzz (Caruaru), El Mocambo (Recife), Bluestamontes (Recife), Clube dos Patifes (Salvador), The Allman Brothers, The White Stripes e Foghat.

Visite o nosso Blog: boanoiteblues.blogspot.com

Nosso e-mail é: boanoiteblues@gmail.com

Telefones do programa: 2126-8063 e 2126-8068

Clique na imagem para ampliá-la

Rei do blues fará show no 'Festival Mawazine' nesta quinta-feira

Luciano Borborema
Território Eldorado

"O blues é melhor hoje do que antes. Nos 93 países nos quais estive encontrei gente que tocava muito bem. Sobreviverá sem mim, porque haverá muitos jovens que seguirão tocando", revelou o músico em uma coletiva prévia ao Festival Mawazine, no Marrocos, onde fará show nesta quinta-feira (27).



O Rei do Blues, B.B. King. (Divulgação)

B.B. King também falou do seu amor por suas guitarras. "Chorei quando me roubaram a primeira, uma Stella vermelha. Tenho um total de 16. Para mim, minhas guitarras são como minha esposa. Se pudesse, estariam sempre perto de mim".

Além disso, o músico revelou que o melhor guitarrista do mundo é, hoje em dia, o britânico Eric Clapton. No entanto, ele disse que não gosta de reconhecer o estilo de Clapton nos novos guitarristas e compositores, porque "cada um deve tocar o que sente, a sua maneira".



TÍTULO: Kind of Blue: a história da obra-prima de Miles Davis
TÍTULO ORIGINAL: Kind of Blue - The making of the Miles Davis Masterpiece
AUTOR: Ashley Kahn
TRADUÇÃO: Patrícia de Cia e Marcelo Orozco
LANÇAMENTO: 2000(EUA), 2007(Brasil)
EDITORA: Barracuda

SINOPSE:  'Kind of blue - A história da obra-prima de Miles Davis' é um relato da gravação de um dos maiores álbuns de jazz da história. Em 1959, Miles Davis reuniu seu famoso sexteto - John Coltrane, Cannonball Adderley, Bill Evans, Wynton Kelly, Paul Chambers e Jimmy Cobb - no 30th Street Studio, em Nova York, e, em apenas duas sessões de improviso, criou uma obra-prima. 'Kind of blue' é uma referência para músicos, entusiastas e neófitos. Suas impressionantes vendas confirmam sua longevidade e sua importância ainda causa impacto na música. Neste olhar cuidadoso sobra a história do álbum, o jornalista americano Ashley Kahn traça um panorama do jazz nos anos 50 e recria o cenário dessa monumental gravação. O livro começa com a emocionante chegada do autor aos estúdios da Sony Music, que detém os arquivos de 'Kind of blue', e transmite toda a ansiedade e excitação que o raro acesso aos originais do álbum causam. Em seguida, relata a chegada de Miles Davis a Nova York e repassa sua trajetória até se debruçar sobre as duas famosas sessões de gravação. Desse ponto em diante, o foco se alarga novamente para mostrar sua repercussão e influência. Com transcrições de trechos não-editados das fitas master, entrevistas, arquivos da Columbia Records recém-descobertos, cerca de cem imagens (incluindo fotografias inéditas, partituras e registros do estúdio), entrevistas e o prefácio do único membro sobrevivente da banda, Jimmy Cobb, 'Kind of blue' é um tributo a um importante episódio da história da música.
Ashley Kahn é jornalista de música, produtor de rádio, professor e autor de 'A Love Supreme: The Story of John Coltrane's Signature Album' e 'The House That Trane Built: The Story of Impulse Records'. Foi editor de música na VH1, editor principal da 'Rolling Stone: The Seventies' e um dos principais colaboradores da Rolling Stone Jazz & Blues Álbum Guide. Escreveu artigos para o New York Times, Rolling Stone e Mojo.
Continue Lendo


http://www.catbirdseat.org/beta/wp-content/uploads/2009/05/cover.gif 
Kind of Bloop: A 8-Bit Tribute(2009)

Ok, hoje vamos abrir uma exceção: vamos deixar que você ouça dois discos dentro do desafio do ALBUM DA SEMANA. Mas não fique mal-acostumada(o). Na verdade este disco servirá muito bem para que você entenda melhor a magia do Kind of Blue. Existem alguns álbuns que são tão eternos que ganham várias versões,inclusive em gêneros musicais totalmente diferentes, como o Dark Side of the Moon(Pink Floyd), que ganhou versões desde em reggae a Calypso(isso mesmo! Aquele do estado do Pará). Com a obra-prima do Miles Davis não poderia ser diferente. Aqui trazemos uma belíssima homenagem da tribo Chiptune(quando você ouvir a primeira nota vai entender o que significa isso). Aqueles que curtem a nostalgia do início dos anos 90 vão adorar. As 5 faixas do álbum estão aí, para que você faça as inevitáveis comparações. Não esqueça de deixar sua opinião comentando este post ou o anterior. Caso você se interesse, postamos, nos primórdios do site, uma matéria sobre o jazz em jogos de video-games. Clique aqui para conferir.



Para baixar o álbum clique no link abaixo

http://mundosonoro00.files.wordpress.com/2009/10/capa-do-disco-kind-of-blue1.jpg


Miles Davis - Kind of Blue(EUA, 1959)

Salve! Mais uma vez com um dia de atraso, mas cá estamos. Ontem postamos uma pequena homenagem aos 84 anos(se estivesse vivo) do grande mestre do jazz Miles Davis. Nada mais justo que trazer seu grande sucesso para o ALBUM DA SEMANA. Pois bem, Esta será uma semana mais que especial: você a passará ouvindo aquele que é considerado a bíblia do jazz, Kind of Blue!
Davis é um daqueles artistas que quem conhece pessoalmente pode amá-lo ou detestá-lo. Seu temperamento pouco simpático e, não raro, desinteressado o marcou por toda a vida, inclusive sendo reconhecível no seu jeito de tocar. Muito tempo depois do lançamento deste disco o próprio Miles Davis o desprezava alegando que aquele sentimento do disco apenas fazia parte do seu passado. O fato é que o disco, queiram ou não, foi um divisor de águas entre o jazz clássico e o moderno. Seu minimalismo desconcertou muita gente, dividindo opiniões e, claro, gerando inúmeras discussões teóricas sobre ser ou não um um grande trabalho. Com um elenco de estrelas, Davis mostrou a muitos a força de um novo conceito de jazz, o jazz modal.
Leia Mais

http://www.amoeba.com/dynamic-images/blog/FS707Miles-Davis-Posters.jpg 

Neste dia, em 1926, a lenda do jazz nasceu em Alton, Illinois. Ganhou seu primeiro trompete aos 13 anos e depois entrou pra história! Para celebrar seus 84 anos e ainda o 40º aniversário de Bitches Brew, confira este clipe do Miles Davis Quintet filmado em Copenhagen em novembro de1969:

Plácido Mendes(I. Malforea), vocalista da DISTINTIVO BLUE

Terça Blue no Cult Mix. Continuando os especiais dos grandes mestres, hoje foi a vez do grande Muddy Waters. Clique no link abaixo para ouvir ou baixar.


Mississipi John Hurt - Goodnight Irene, no Rainbow Quest No. 36 com Pete Seeger, Hedy West, e Paul Cadwell
Túmulo de Muddy Waters(Restvale Cemetery - Alsip, Illinois)
http://op3cyg.blu.livefilestore.com/y1pESOStCohRXAPjgS3DtyOjvMho1XxHnpimV15978bJAvlxCPYTX7o3y5HfS8IOwwMCdCKPHr7CTCjJ02el_VuFRtu6vA2CYNb/JOHN-PIZZARELLI-EXTRA.jpg
Clique na imagem para vê-la em tamanho maior


Pra toda a moçada que vinha nos perguntando, finalmente o Recife Blues Sessions volta nesta Segunda-Feira, 24 de Maio, de casa nova, o Caravela's Cyber Café, na Rua do Bom Jesus, Recife Antigo.

A mudança de casa vai ser apenas pelo fato de o novo horário da Jam Session (22 horas) não ser compatível com o horário de funcionamento do Casa da Moeda, casa que nos recebeu de forma irrepreensível nas duas primeiras edições (teremos saudades da moçada!).

A mudança, contudo, será benéfica pois nos proporcionará melhor estrutura de som, além de estarmos também em outro dos mais charmosos points blueseiros do Recife Antigo, com estrutura de Internet, petiscos legais e uma bela promoção de clone de Chopp Brahma a R$3,50.

O Couvert e horário continuam os mesmos da última edição da festa.

Músicos devem levar seus instrumentos, como antes.

Bora espalhar pra toda a moçada, e chegar junto.

O Recife Blues sorteará alguns ingressos entre os seguidores do blog via email. Não é necessário nenhuma ação de sua parte, salvo se você ainda não estiver inscrito (basta inserir seu email na caixinha amarela ao topo do blog).

Recife Blues Sessions
Local: Caravela's
Dia/Hora: 24 de Maio/20:00hs (e todas as Segundas subsequentes)
Endereço: Rua do Bom Jesus, Recife Antigo
Entrada: R$5,00 (músicos com instrumentos pagam R$2,50)

Do G1 RJ

Miles Davis
O músico Miles Davis (Foto: Divulgação)

O selo Columbia/Legacy vai lançar em setembro a caixa “The genius of Miles Davis”, que reunirá outros oito boxes já disponíveis com parte da obra do músico . As informações são do site “Pitchfork”.

Todos os 43 CDs serão empacotados em uma embalagem que reproduz o case de um trompete. Além dos discos, a caixa incluirá também uma inédita arte em litografia, uma camisa e uma réplica exata do tipo de bocal utilizado por Davis em seu instrumento

Em 31 de agosto, pouco antes de “The genius of Miles Davis”, o selo lança ainda duas reedições do clássico "Bitches brew", de 1970. A primeira trará um CD com o álbum original mais oito faixas bônus, além de um DVD com uma apresentação do Miles Davis Quintet em Copenhagen, gravado em 1969.

Já a edição comemorativa dos 40 anos de lançamento do álbum terá um CD extra com o mesmo show de Copenhagen, mais um LP duplo em vinil.

Veja o conteúdo do box “The genius of Miles Davis”:

“Miles Davis & Gil Evans: the complete Columbia studio recording”
“Miles Davis Quintet 1965-'68: the complete Columbia studio recording”
“The complete ‘Bitches Brew’ session”
“Miles Davis & John Coltrane: the complete Columbia recordings 1955-1961”
“The Complete ‘In a silent way’ sessions”
“Seven steps: the complete Columbia recordings of Miles Davis 1963-1964”
“The complete ‘Jack Johnson’ sessions”
“The complete ‘On the corner’ sessions”
http://www.bendsharmonicas.com.br/endorsees/fotos/sergioduarte_cartoon.png
Sérgio Duarte é endorsee da Bends

20/05/2010
Edson Tadeu e Quarteto Pererê
Avenida Comendador Alfredo Maffei, 700. Jardim Gibertoni
Sesc São Carlos-São Carlos SP
Horário: 20:30 hs
Com a participação especial do grande mestre da viola IVANVILELA


20/05/2010
Joe Marhoffer and The Headcutters
Ooby Dooby Rock Café-Balneário Camburiú SC


21/05/2010
Seu Jorge (com Jr. Gaiatto) e Simoninha
Vivo Rio-Rio de Janeiro RJ


21/05/2010
Diogo Farias e Marcelo Justa
Rua júlio abreu 160
konne baar-Fortaleza CE
Horário: 21:00 hs


21/05/2010
Tiffany Harp & Capone Brothers
Floriano Peixoto, 89
Butiquim Wollstein-Blumenau SC
Horário: 23:00 hs


21/05/2010
Omar Izar e a Turma da casa
Av. Lins de Vasconcelos, 2090 – Vila Mariana
Obar-São Paulo SP
Horário: 22:00 h


21/05/2010
Márcio Maresia e J.J.Jackson
Rua São francisco de assis esquina com a 9 de julho
Villa Pizza bar-Jundiaí SP
Horário: 21:00 h
Reservas: 11 4522 6211


21/05/2010
Jr. Gaiatto
Living Party na Museum-São Paulo SP
Com DJ Thiago Verçosa e o multi-instrumentista Rey Verçosa.


22/05/2010
Ivan Márcio & Igor Prado - "Blues Acústico"
R: Aspicuelta, 595 Vila Madalena
Bar Anhanguera-São Paulo SP
Horário: 16:30 hs


22/05/2010
Leandro Ferrari & Convidados (BH Blues All Stars)
r. Guajajaras, 842
Studio Bar-Belo Horizonte/MG
Horário: 23:00 hs


25/05/2010
Sérgio Duarte Acústico
r. Juventus, 125 Mooca
Cave Bar-São Paulo SP
Horário: 21:00 h


27/05/2010
Tiffany Harp & Capone Brothers
Av. Atlântica 2554
Ooby Dooby Rock Café-Balneário Camburiú SC
Horário: 23:00 hs


28/05/2010
Rodrigo Brasileiro & Fábio Mendonça
Boate Zoom-Caldas Novas GO
Horário: 22:00 h


28/05/2010
Diogo Farias e Marcelo Justa
Rua júlio abreu 160
konne baar-Fortaleza CE
Horário: 21:00 hs


28/05/2010
Tiffany Harp & Capone Brothers
Visconde de Taunay-166-Centro
Visconde Snooker Pub-Joinville SC
Horário: 23:00 hs


28/05/2010
Engels Espirìtus & Banda (Festival República Blues)
Eixo Momumental
Complexo Cultural Funarte-Brasilia DF
Horário: 20:00 hs


28/05/2010
Ivan Márcio & Igor Prado - "Blues Acústico"
R. Aspicuelta, 595
Bar Anhanguera-São Paulo SP
Horário: 16:30 hs


28/05/2010
Omar Izar e a Turma da casa
Av. Lins de Vasconcelos, 2090 – Vila Mariana
Obar-São Paulo SP
Horário: 22:00 h


28/05/2010
Joe Marhoffer and The Headcutters
Butiquim Wollstein-Blumenau SC
Horário: 22:00 h


http://www.bendsharmonicas.com.br/aulaonline/entrada_site.jpg
Site da Bends disponibiliza curso online de gaita

Existem instrumentos que caracterizam determinados estilos musicais, tornando-se ícones. Por exemplo: quando há eventos de rock, coloca-se uma guitarra para simbolizar o estilo. O mesmo acontece com o sax em relação ao jazz, assim como a sanfona para o baião. O blues é muito bem-representado pela gaita diatônica, um instrumento peculiar, por ser pequeno, relativamente barato e de timbre e brilho inconfundíveis. Que tal aprender a usar este maravilhoso instrumento? O site da Bends pode ajudar a se iniciar nesse universo: basta que você se cadastre no site e já terá acesso ao material didático. São 11 lições, com exercícios, tablaturas e vídeos de workshops realizados pela empresa. Com um pouco de dedicação e uma gaita das mais simples(que custa em torno de 25 reais) você poderá em alguns meses se garantir em jams por aí. Esta é a nossa dica de curso online gratuito de hoje. Aproveite.

http://1.bp.blogspot.com/_Qk3zOCZm0X8/Sol7fX6cSRI/AAAAAAAAAtI/i4_WpBadYOU/S1600-R/RECIFEBLUES.jpg

Nesta Quinta temos Karl Dixon com Uptown Band no The Pub, e Rodrigo Morcego no Biruta.

A novidade é a volta do Recife Blues Sessions em nova casa, o Caravela's, a partir desta Segunda-Feira. Aguarde mais notícias sobre isto durante o final de semana.

Segue a agenda...


Rodrigo Morcego
Local: Biruta Bar
Dia/Hora: 20 de Maio/22:00hs
Endereço: Rua Bem-Ti-Vi, 15 - Brasília Teimosa
Entrada: R$7,00

Karl Dixon e Uptown Band com abertura da Revolution Beatles
Local: The Pub
Dia/Hora: 20 de Maio/21:00hs
Endereço: Av Conselheiro Aguiar 479, Pina
Entrada: Não Informado

Midnight Man
Local: Caravelas
Dia/Hora: 21 de Maio/20:30hs
Endereço: Rua do Bom Jesus
Entrada: R$5,00

Comando Delta
Local: Novo Pina
Dia/Hora: 22 de Maio/22:00hs
Endereço: Rua da Moeda
Entrada: Não Informado

Hoochie Coochie Band
Local: Curupira
Dia/Hora: 23 de Maio/16:00hs
Endereço: UFRPE
Entrada: R$3,00

Recife Blues Sessions
Local: Caravelas
Dia/Hora: 24 de Maio/22:00hs
Endereço: Rua do Bom Jesus
Entrada: R$5,00

Rodrigo Morcego
Local: Caravelas
Dia/Hora: 26 de Maio/20:30hs
Endereço: Rua do Bom Jesus
Entrada: R$5,00
http://images.uulyrics.com/cover/b/bb-king/album-blues-on-the-bayou.jpg
BB King - Blues on the Bayou (1998)

Salve! Estamos de volta, com um dia de atraso, mas antes tarde do que nunca, rs. Na última terça fizemos um especial sobre BB King na radio UESB FM, de Vitória da Conquista-BA, onde incluimos duas faixas do álbum Blues on the Bayou: Blues Boys Tune e Bad case of Love. O áudio do programa você pode conferir na seção PROGRAMAS DE RÁDIO. Então, nada mais justo que colocar esse mesmo album como ALBUM DA SEMANA. Um grande exemplo de como o rei e sua companheira Lucille sempre serão atuais e capazes de prender nossa atenção durante algum tempo.
O album tem inicio com uma entrada realmente triunfal da Lucille, na faixa Blues Boys Tune. Um ótimo slow blues perfeito para momentos calientes. Em seguida damos uma acelerada ao bom e velho estilo BB King, com Bad case of Love. Mais uma vez vamos ao slow com I'll Survive, seguida de um ótimo shuffle, Mean O'le World. O album inteiro segue esse formato de "uma lenta, uma mais agitada". BB King tem uma grande qualidade: nunca fica velho, defasado. Sempre foi aberto ao novo, ao moderno e ao diferente, por isso fez e faz duetos com os mais variados artistas. Isso se reflete no seu trabalho individual, que sempre traz o bom e velho blues soando novo como nunca. Sem dúvida este é um álbum de muito bom gosto. Segue abaixo o setlist:

  1. Blues Boys Tune
  2. Bad Case Of Love
  3. I'll Survive
  4. Mean Ole' World
  5. Blues Man
  6. Broken Promise
  7. Darlin' What Happened
  8. Shake It Up And Go
  9. Blues We Like
  10. Good Man Gone Bad
  11. If I Lost You
  12. Tell Me Baby
  13. I Got Some Outside Help I Don't Need
  14. Blues In 'G'
  15. If That Ain't It I Quit
Não se esqueça do nosso trato: você tem uma semana para degustar este album com calma e atenção, escutando, reescutando e fuçando algumas coisas sobre ele na internet. Resista à tentação de baixar a discografia inteira do velho B em um dia ou dois. A boa música merece ser apreciada com calma e atenção. Nos vemos na próxima quarta-feira com mais um ALBUM DA SEMANA. Deixe seu comentário sobre o album, vamos bater papo. Grande abraço!

I. Malforea


Para baixar o album, clique no link abaixo:

http://ultimosegundo.ig.com.br/cs/Satellite?blobcol=urldata&blobkey=id&blobtable=MungoBlobs&blobwhere=5300006078383&ssbinary=true

O trompetista Christian Scott, uma das atrações do Bridgestone Music Festival

Durante quatro dias, o jazz será o som de São Paulo. Até sábado, a cidade recebe a terceira edição do Bridgestone Music Festival, um dos principais eventos do gênero no país. Ou melhor, o principal: com uma escalação que inclui da lenda viva Ahmad Jamal à revelação Christian Scott, o festival este ano tem uma programação sem rivais. E o melhor: sem pesar tanto no bolso. Os ingressos mais baratos custam R$ 50, bem abaixo da média dos shows internacionais no Brasil. Camarotes e mesas vips, os mais caros, custam R$ 120 e R$ 100, respectivamente.

O nome mais conhecido do festival é o americano Ahmad Jamal. Aos 79 anos, é um dos grandes pianistas da história do jazz - seu estilo sutil e econômico lhe valeu admiradores como Miles Davis, com quem tocou na década de 50. Seu disco mais recente, A Quiet Time, saiu no ano passado. Ele vem a São Paulo acompanhado pelo baixista James Cammack, o baterista Herlin Riley e o percussionista Manolo Badrena, e toca no Citibank Hall nesta quinta-feira. Quem abre seu show é a cantora Dee Alexander.

Foto: Divulgação Ampliar

O veterano baixista Dave Holland

Dave Holland, baixista de 68 anos, é o outro veterano do evento. Assim como Jamal, ele também tocou com Miles Davis, só que no final dos anos 60, na fase mais lisérgica do genial trompetista. Holland lidera o Overtone Quartet, grupo recém-formado que ainda tem o pianista Jason Moran, o saxofonista Chris Potter e o baterista Eric Harland. Sua apresentação será na sexta-feira. Na mesma noite, o baterista Daniel Piazzolla, junto com o seu sexteto Escalandrum, faz um show especial com obras do avô Astor Piazzolla.

A grande noite do Bridgestone Music, no entanto, deve ser a primeira. Nela, os nomes consagrados dão lugar a duas possíveis surpresas. A primeira delas, o pianista Uri Caine, que se apresenta junto com a cantora Melissa Walker. Seu surpreendente jazz mistura altas doses de música erudita (Mahler e Bach, por exemplo) com influências de funk, rock e pop. Na mesma noite, toca o jovem Christian Scott, de apenas 27 anos, eleito o melhor trompetista em ascensão pelos críticos da revista Down Beat no ano passado.

O festival termina no sábado, com performances do saxofonista Don Byron e seu New Gospel Quintet e da cantora Melissa Walker com o baixista Christian McBride. Os preços dos ingressos são os seguintes: R$ 50 (mesa setor 3), R$ 60 (mesa setor 2), R$ 70 (mesa setor 1), R$ 100 (mesa vip) e R$ 120 (camarote). Todos os shows acontecem no Citibank Hall (Avenida dos Jamaris, 213, Moema), a partir das 21h, de quarta a sábado. Os ingressos podem ser comprados no próprio Citibank Hall e também pela internet ou pelo telefone 4003 5588.

Programação

Quarta-feira (19/05)
Christian Scott Quintet
Uri Caine & Barbara Walker

Quinta-feira (20/05)
Dee Alexander Evolution Ensemble
Ahmad Jamal

Sexta-feira (21/05)
The Overtone Quartet (Dave Holland - Jason Moran - Chris Potter -Eric Harland)
Piazzolla y Piazzolla e Sexteto Escalandrum

Sábado (22/05)
Melissa Walker & Christian McBride
Don Byron & New Gospel Quintet

Serviço

Bridgestone Music Festival
Citibank Hall (Avenida dos Jamaris, 213, Moema)
Ingressos: R$ 50 a R$ 120
http://escafandro.blogtv.uol.com.br/img/Image/escafandro/jazz-initiative.jpg
Festivais de jazz são destaque no podcast do Estadão

A temporada de festivais nos EUA e Europa está aberta. Neste programa, saiba a programação de alguns deles e escute atrações que vão brilhar nos palcos dos EUA, Itália, Portugal, Suíça.

Confira no link abaixo:

http://np3.brainternp.com.br/upload/amaleblon/Jazz&Lounge_Leblon_CelsoBluesBoy.jpg
Celso Blues Boy se apresentará em Natal

Natal receberá pela primeira vez Celso Blues Boy, o maior nome do blues nacional e também um dos pioneiros do rock Brasil dos anos 80.

Com mais de 30 anos de carreira, Celso conseguiu com sucesso misturar rock e impor um sotaque brasileiro ao blues, conquistando vários discos de ouro nos anos de 80 com o álbuns como “som na guitarra”.

Em abril, lançou o DVD Celso Blues Boy ao vivo no Canecão, tradicional casa de shows do Rio de Janeiro, lotado.

É o artista de blues rock com maior vendagem de discos no Brasil. Suas canções embalaram também trilhas sonoras de filmes do cinema nacional como "Rock Estrela" e "Bete Balanço".

O vídeo da música Mississipi no you tube contabiliza mais de 50 mil acessos. Parcerias em gravações com Cazuza e o rei do blues mundial , B.B. King, elevam o nome de Celso a "hors concour" no gênero.

A noite contará ainda com a partcipação das bandas locais The Blue Mountain e Mobydick. O evento é uma produção do clube do blues e será realizado em duas datas e casas distintas durante o feriadão de corpus christi: dias 03 /06 na Taverna Pub e 04 /06 no Sgt. Pepper´s Ponta Negra.

Serviço:

O Quê : Clube do Blues
Show : Celso Blues Boy - participações locais -The Blue Mountain e Moby Dick
Horário: à partir das 22:00

Datas e Locais:

03/06 (quinta feira) - Taverna Pub, rua Dr Manoel Augusto Bezerra de Araújo, 500A

04/06 (sexta feira)- Sgt Peppers Ponta Negra, Av. Engº Roberto Freire 9102, Ponta Negra.

Senhas e mesas antecipadas a preços promocionais :

PEDRASSOLI TURISMO- (84) 3082-8652

1º Lote até 25/05

2º Lote até 31/05

GARANTA JÁ SUA SENHA!!!

MAIORES INFORMAÇÕES: (84) 9117-1757/9156-6008
Minhas Fotos | Leandro Ferrari
Leandro Ferrari

data:22/05/10
hora:23:00
onde:Studio Bar Rua Guajajaras, 842, no Centro de BH Belo Horizonte MG 3180.100
detalhes:Leandro Ferrari & BH Blues Allstars - Participações Especiais: Bruno Avanzato e Marcelinho Guerra
Leandro Ferrari & BH Blues Allstars se apresentam em mais uma homenagem ao mestre do blues Bruno Avanzato. A banda, formada por Leandro Ferrari (gaita), Christian Weber (bateria), Léo Javali (baixo) e Rafael Carneiro (guitarra), apresentará clássicos do blues, soul e rock. O show contará com a participação do homenageado Bruno Avanzato (ITA) e do guitarrista Marcelinho Guerra, além de vários outros convidados para uma inesquecível jam session com o melhor do bom e velho blues.
www.studiobar.com.br
http://op3cyg.blu.livefilestore.com/y1ppKOEMApcgLO-rC3pioxMWv8OUieU824INkzEkheJhMIQoWaB5mExCG2Sx7C1f4hgFqrnEdsiT1Xjm8XFTRCAYe-nj0TOL1dZ/divina%20comedia%2019%2005.jpg
Quarta é noite de futebol... E blues!

Nessa quarta venha ao Divina Comédia assista ao Jogo e depois o grande show da banda Texas Haze(texashaze.com.br) destilando grandes clássicos do Rock"n"Blues de nomes como Steve Ray Vaughan, Jimi Hendrix, Eric Clapton, entre outros.
PROJETO DIVINA BLUES
19 DE MAIO, QUARTA, 22HRS
TEXAS HAZE
DIVINA COMÉDIA PUB
RUA DA REPÚBLICA, 649, ESQ. JOÃO ALFREDO - CIDADE BAIXA
INGRESSOS: FEMININO:8,00, MASCULINO:12,00
RESERVAS 30629424
PRÓXIMOS SHOWS DA BLUES VOLT PRODUTORA:
19/05 - TEXAS HAZE - DIVINA COMÉDIA
26/05 - ALABAMA BLUES COM SHANA HUGHES(EUA) NOS VOCAIS
02/06(VÉSPERA DE FERIADO):
SOLON FISHBONE (DEPOIS DISCOTECAGEM ROCK'N'BLUES)
http://www.dennischandler.com/img/assets/1011/BB_Lucille.jpg
BB King no Cult Mix

Na terça blue desta semana no Cult Mix, programa da UESB FM 97,5, ouvimos um pequeno especial sobre BB King, considerado o rei do blues. este foi o primeiro de uma série de programas especiais sobre os grandes mestres do blues. Não perca. O Cult Mix acontece de segunda a sexta, das 20h às 22h na UESB FM. Nas terças, Caique Santos convida Plácido I. Malforea Mendes, vocalista da Distintivo Blue para um bate-papo sobre o blues. Confira o programa de hoje no link abaixo:


BB King - The Thrill is Gone (ao vivo em Montreux, 1993)
0
http://soledadcifuentes.files.wordpress.com/2010/03/king1.jpg
BB King é tema da terça blue no Cult Mix

Terça-feira, noite de blues no CULT MIX. Caique Santos convida Plácido (I. Malforea) Mendes, vocalista da DISTINTIVO BLUE, que trará um pouco da carreira do rei do blues, BB King. Este será o primeiro de uma série de especiais sobre os maiores ícones do gênero, para quem ainda não conhece e tem interesse ou mesmo para os que curtem e querem o prazer de ouvir um bom blues numa emissora de rádio da cidade. Imperdível!

Hoje, 8 da noite na UESB FM 97,5

E mais tarde, às 23h, postaremos o podcast do programa para você que não mora em Vitória da Conquista.
http://lh3.ggpht.com/_t4ELdOZ6fEA/S_GaB0fy0vI/AAAAAAAAAUY/P6-5nr8PYIo/s512/Flyer%20clube%20do%20blues%2005-2010.jpg

#Icaro Britto no Clube do Blues#
Quarta - 19/05 - 21hs
Groove Bar - Rua Marques de Leão - Barra - Salvador
$20 ou $10 para os primeiros 50 a chegarem com nome na lista amiga
(comunidade "Icaro Britto" ou icaroblues@hotmail.com)
Clique Para ampliar! Gaitista apresenta seu novo projeto no Bourbon, dia 27
Peça desconto de 50%!

Você nunca viu uma big band assim. Funk e blues. Naipe de metais e gaita. Clássicos de B.B. King, James Brown, Michael Jackson, Tim Maia e composições próprias. É a estreia em São Paulo do novo projeto do renomado gaitista Big Chico, em festa da Blues'n'Jazz, dia 27 de maio, no Bourbon Street.

O show de abertura será com a Four Heads, de Jundiaí, que toca clássicos do rock e do blues.

E a tradicional jam session de encerramento terá outros grandes músicos convidados.
Por esses três shows você pode pagar apenas R$ 19 de couvert artístico, sem consumação mínima (o preço normal é R$ 38). Basta se cadastrar no menu ao lado e aguardar o flyer promocional. Reenvie o flyer a seus amigos, que podem imprimi-lo e ganhar o desconto também.

As bandas
Big Chico & Funk Clube fazem um show dançante e se diferenciam de outros grupos do gênero pela forte presença de seu líder, dono de um vozeirão e considerado um dos melhores gaitistas de São Paulo. Big Chico já gravou quatro CDs, um deles nos Estados Unidos, acompanhado por grandes músicos americanos. Recentemente ele fez turnê pela Europa.

A Four Heads toca músicas de Eric Clapton, Beatles, Rolling Stones, B.B. King, Robert Johnson, Steve Ray Vaughan e Chuck Berry, entre outros. O grupo é formado por Flavinho Buzaneli (voz e guitarra), Beto Baialuna (guitarra solo), Rafael Martin (baixo) e Robson Póvoa (bateria), e terá participação especial de Luciano Trinquinato (teclados).

Dia: 27/05 (quinta-feira)
Local: Bourbon Street Music Club
Endereço: R. dos Chanés 127, Moema – São Paulo
Informações: heltonribeiro@terra.com.br ou (11) 5072-2765 / 8555-7702 (Helton Ribeiro - Blues’n’Jazz)
Fone para reservas: (11) 5095-6100 (ATENÇÃO: Estes fones são apenas para reservas de mesas, as funcionárias não estão autorizadas a informar sobre a promoção)
Horário: 21h30
Couvert artístico mediante apresentação do flyer da Blues'n'Jazz ou nome na lista: R$ 19
Couvert artístico normal: R$ 38
http://theselvedgeyard.files.wordpress.com/2010/04/2567715571_c2a89d92bd_b.jpg
Jimi Hendrix(baixo), Buddy Miles(bateria) e Johnny Winter(guitarra) em 1969

Do G1, com agências

Ronnie James Dio
Ronnie James Dio em show na Suíça, em 2007.

(Foto: AP)

O roqueiro americano Ronnie James Dio morreu na manhã deste domingo (16), aos 67 anos, de câncer no estômago. Ícone do heavy metal, ele foi vocalista das bandas Dio, Black Sabbath e Heaven & Hell.

A notícia da morte foi divulgada pela mulher do músico, Wendy. “Hoje meu coração está partido, Ronnie se foi às 7h45”, contou no site oficial do artista. "Muitos de nossos amigos e familiares puderam se despedir antes que ele se fosse em paz. Ronnie sabia que era muito amado por todos", completa.

Relembre o último show de Ronnie James Dio no Brasil

Leia também: G1 apresenta 15 discos para entender o metal

A notícia de que o roqueiro estava com câncer foi anunciada em novembro de 2009. Ele iniciou o tratamento com a doença ainda no estágio inicial e havia diminuído o número de show nos últimos meses.

Dio começou sua carreira nos anos 70, como cantor e baixista da banda Elf, com a qual gravou três álbuns. Mais tarde, mudou para o grupo Rainbow, a convite de Ritchie Blackmore (ex-Deep Purple).

O roqueiro também foi vocalista do Black Sabbath, com quem gravou quatro álbuns. Dio substituiu Ozzy Osborne, que deixou o grupo em 1979.

Ronnie James Dio
Ronnie James Dio durante sua última passagem por um palco brasileiro, em maio de 2009. Ele se apresentou com a banda Heaven & Hell. (Foto: Daigo Oliva/G1)

Dio foi um dos roqueiros a pautar a atitude heavy metal. No documentário "Metal - a headbangers journey" ele é citado como um dos inventores do "chifrinho" feito com as mãos, imitado por fãs do gênero no mundo inteiro.

O roqueiro esteve no Brasil há exatamente um ano. Na madrugada de 16 de maio de 2009, o roqueiro subiu no palco do Credicard Hall, em São Paulo, junto com sua banda, Heaven & Hell.

Com fãs que gritavam "Sabbath! Sabbath!" na plateia, Dio cantou faixas do disco "The devil you know” (2009), como “Bible black” e “Follow the tears”.

Fonte: G1
http://public.blu.livefilestore.com/y1pLQXSCwt5tzNY4QbxVMQ22TJ8O2wPLq7SIhN8bs_W7-TUl4i-zR5PMoZKal0Dfdsbswb03ozuNK1rf5AKXXo-jQ/PERDEU.JPG
Todo Sábado, às 23h o podcast do SOM DA TRIBO no blog da DB


Já está disponível O SOM DA TRIBO deste sábado(15/05) para ouvir e baixar. Clique no link abaixo:

http://op3cyg.blu.livefilestore.com/y1pIGNPqCRaQFoW_Oyc7XW_PKY7_vLqoftlIQKNIuemJoygldF52L_Y_APvlHpKsoazhVQ7xil3tn-ubBGhbmG_UiuOB6OS9HB_/FESTIVAL-INTER-PARATY.jpg
Clique na imagem para entrar no site oficial do festival
http://www.cidadedosdiamantes.com.br/images/stories/festas_e_eventos/Cartaz_Festival_.jpg
A Chapada Diamantina, na Bahia abre as portas ao jazz

A rotina tranquila do Vale do Capão, na Chapada Diamantina, será mudada com a chegada de grandes nomes da música instrumental, como Hermeto Pascoal e Toninho Horta. Eles são as principais atrações do 1º Festival de Jazz do Capão, programado para acontecer logo após o feriado de Corpus Christi, nos dias 4 e 5 de junho.

O evento terá entrada gratuita e contará com oficinas de música e workshops, além dos shows, que incluem ainda atrações como os grupos baianos Garagem, Banda de Boca e Orkestra Rumpilezz e os locais Coral do Capão e Grupo Instrumental do Capão.

O festival foi idealizado pelo músico Rowney Scott, que mantém uma relação profunda com o local há pelo menos duas décadas: "O Capão é um lugar diferenciado, não só pela beleza exuberante, mas pelas características das pessoas que moram e frequentam lá". Ele assina, também, a direção artística do evento.


Recursos - Produzido em parceria pela Caderno 2 Produções Artísticas e Maurício Pessoa Produções, o festival conta com financiamento de R$ 186 mil em recursos do Fundo Nacional de Cultura. De acordo com o produtor Dalmo Peres, a esse valor devem ser adicionados recursos do programa Fazcultura, que ainda não foram definidos por estar em fase de captação.

Peres destaca o desafio de montar um evento como este num lugar com certa dificuldade de acesso. “A logística é grande e estamos planejando tudo cuidadosamente, porque temos que levar de Salvador todo o material de palco, som, iluminação e demais estruturas, como banheiros químicos”, diz.

A expectativa da organização é que o evento reúna cerca de 3 mil pessoas, não só de Salvador, mas também do interior do Estado.

“A nossa intenção é que o festival se torne anual e se consolide, para depois a gente leválo para outras cidades”, afirma Peres.

http://www.edudagaita.com.br/Edu%20da%20gaita%20-%20portrait.jpg

Midnight Man
Local: Biruta Bar
Dia/Hora: 13 de Maio/22:00hs
Endereço: Rua Bem-Ti-Vi, 15 - Brasília Teimosa
Entrada: R$7,00

Midnight Man
Local: Caravelas
Dia/Hora: 14 de Maio/20:30hs
Endereço: Rua do Bom Jesus
Entrada: R$5,00

Comando Delta
Local: Novo Pina
Dia/Hora: 15 de Maio/22:00hs
Endereço: Rua da Moeda
Entrada: Não Informado

Catherine e Contrabanda
Local: Bar Casa da Moeda
Dia/Hora: 16 de Maio/20:00hs
Endereço: Rua da Moeda, Recife Antigo
Entrada: R$3,50

Hoochie Coochie Band
Local: Curupira
Dia/Hora: 16 de Maio/16:00hs
Endereço: UFRPE
Entrada: R$3,00

Rodrigo Morcego
Local: Caravelas
Dia/Hora: 19 de Maio/20:30hs
Endereço: Rua do Bom Jesus
Entrada: R$5,00

Karl Dixon e Uptown Band com abertura da Revolution Beatles
Local: The Pub
Dia/Hora: 20 de Maio/21:00hs
Endereço: Av Conselheiro Aguiar 479, Pina
Entrada: Não Informado

Fonte: Recife Blues
http://ideiasinspiradoras.files.wordpress.com/2009/08/jazz.jpg
Confira a programação jazzística da Livraria Cultura

Amanhã, (dia 14 de maio) às 20h
Pocket Show


Músicos:
Traditional Jazz Band
Local:
Livraria Cultura Shopping Villa-Lobos - Av. Nações Unidas, 4777 - São Paulo/SP

Seu ingresso para o Show é 1 kg de alimento não perecível!

A Traditional Jazz Band estará na Livraria Cultura para uma série de shows com o tema 'Jazz e Jams com a TJB'. As apresentações vão permitir ao público apreciador do jazz conhecer as diferentes nuances do ritmo, mostrando a formação dos mais variados grupos jazzísticos, os populares combos, que poderão variar de quintetos a octetos.


* Apresentação sujeita a lotação - 129 lugares.
** Classificação: livre.

Domingo, 16 de maio às 17h
Pocket Show


Músicos:
Queentet Jazz
Local:
Livraria Cultura Shopping Villa-Lobos - Av. Nações Unidas, 4777 - São Paulo/SP

Seu ingresso para o Show é 1 kg de alimento não perecível!

Com um jazz absolutamente sério e honesto, esse grupo, criado por pessoas de sólida formação musical e com ouvidos treinados pela música clássica, foi buscar inspiração estilística nas fontes mais puras: Herbie Hancock, Wayne Shorter, John Coltrane, Miles Davis e Charlie Parker com arranjos e composições próprias. Como resultado desta alquimia, o Queentet Jazz, mais do que a passividade das hoje chamadas bandas cover, criou um estilo de expressão musical singular, interpretando os grandes mestres do jazz de forma muito pessoal, além de criar novas formas por meio de seus próprios temas.


* Sujeito a lotação do auditório - 129 lugares.
** Classificação: livre.


Terça-feira, 18 de maio às 12h30
Show


Músicos:
Tito Martino Jazz Band
Local:
Livraria Cultura Conjunto Nacional - Av. Paulista, 2073 - São Paulo/SP

Com o apoio cultural da Engevix Engenharia, o clarinetista e saxofonista paulistano Tito Martino se apresenta em nova temporada no Teatro Eva Herz, às terças-feiras, ao meio-dia e meia. As características principais de suas apresentações, que lotaram a sala em todas as temporadas anteriores, são: bom humor, musicalidade e liberdade das improvisações individuais e coletivas. Tito conta histórias e fatos do jazz, desconstrói mitos e preconceitos, e explica os segredos do estilo. Tito Martino, considerado por muitos conhecedores como um dos maiores expoentes do jazz tradicional no Brasil, já tocou profissionalmente em festivais de jazz na Europa e nos Estados Unidos, tendo sua foto publicada no Washington Post e no New York Times, recebendo elogios de respeitados críticos internacionais. Em 50 anos de atividade, gravou 8 LPs e 6 CDs, conheceu Louis Armstrong e Duke Ellington e tocou com Oscar Peterson, Teddy Wilson, Cat Anderson, Roy Eldridge, Bob Wilber, Bob Haggart, Frank Rosolino, além de Hermeto Paschoal, Elis Regina e o maestro Diogo Pacheco. Cada apresentação terá um programa diferente, abrangendo todo o vasto e rico panorama do jazz tradicional.


Sexta-feira, 21 de maio às 20h
Pocket Show


Músicos:
Traditional Jazz Band
Local:
Livraria Cultura Shopping Villa-Lobos - Av. Nações Unidas, 4777 - São Paulo/SP

Seu ingresso para o Show é 1 kg de alimento não perecível!


A Traditional Jazz Band estará na Livraria Cultura para uma série de shows com o tema 'Jazz e Jams com a TJB'. As apresentações vão permitir ao público apreciador do jazz conhecer as diferentes nuances do ritmo, mostrando a formação dos mais variados grupos jazzísticos, os populares combos, que poderão variar de quintetos a octetos.


* Apresentação sujeita a lotação - 120 lugares.
** Classificação: livre.

Terça-feira, 25 de maio às 12h30
Show


Músicos:
Tito Martino Jazz Band
Local:
Livraria Cultura Conjunto Nacional - Av. Paulista, 2073 - São Paulo/SP

Com o apoio cultural da Engevix Engenharia, o clarinetista e saxofonista paulistano Tito Martino se apresenta em nova temporada no Teatro Eva Herz, às terças-feiras, ao meio-dia e meia. As características principais de suas apresentações, que lotaram a sala em todas as temporadas anteriores, são: bom humor, musicalidade e liberdade das improvisações individuais e coletivas. Tito conta histórias e fatos do jazz, desconstrói mitos e preconceitos, e explica os segredos do estilo. Tito Martino, considerado por muitos conhecedores como um dos maiores expoentes do jazz tradicional no Brasil, já tocou profissionalmente em festivais de jazz na Europa e nos Estados Unidos, tendo sua foto publicada no Washington Post e no New York Times, recebendo elogios de respeitados críticos internacionais. Em 50 anos de atividade, gravou 8 LPs e 6 CDs, conheceu Louis Armstrong e Duke Ellington e tocou com Oscar Peterson, Teddy Wilson, Cat Anderson, Roy Eldridge, Bob Wilber, Bob Haggart, Frank Rosolino, além de Hermeto Paschoal, Elis Regina e o maestro Diogo Pacheco. Cada apresentação terá um programa diferente, abrangendo todo o vasto e rico panorama do jazz tradicional.